quarta-feira, 19 de setembro de 2007

NUMA BOA

Muita gente acreditava que a carreira do grande pivô do escândalo de espionagem que turvou a disputa esportiva deste ano estaria acabada. Não é o que parece. Segundo o “Gazzetta dello Sport”, Nigel Stepney está de volta à Inglaterra e arrumou um novo emprego, na Aston Martin - apropriadamente, a marca que se consagrou como a "dos carros de James Bond, o agente 007".

Se for verdade, seria um fato extremamente polêmico e que dará muito pano para manga: no mês de março, a Prodrive tornou-se sócia majoritária da marca inglesa, comprando 85% das ações que pertenciam a Ford. Como se sabe, a Prodrive pertence a David Richards e vai entrar na Fórmula 1 no ano que vem. Como cliente da McLaren.

Aiaiaiai...

7 comentários:

Jean disse...

E agora como explicar q focinho de porco não é tomada?
Que debaixo deste angu não tem carne?

Xiiii...
Fedeu de vez.

Fleetmaster disse...

humpf!!!! No comments!

Paulo Coruja disse...

faço o comentário do Fleetmaster o meu.
humpf!!

Mario Bauer disse...

Ué? A galera da Tyrrell de 1983 ou da Benetton de 1994 deixou de trabalhar na F1...?

Acoooordem pra realidade!!!

Caíque. disse...

Ico,

Isso não me espanta, aliás acho que é exatamente assim que a Banda toca. Neste caso da McLaren menos ainda, porque não vou com a cxara de nenhum deles, pois acho que embora a F1 seja um Oásis de Falsidade, nada supera o Ron Denis, o Alonso e principalmente o Lewis, que é a figura mais falsa de todo esse ambiente (é o típico Lobo em pele de Cordeiro). É óbvio que falo isso porque apenas observo e não os conheço pessoalmente.

Alan Bandeira preta! disse...

Realmente, nao vejo mal nenhum... Mesmo porque a relacao de um fato com o outro esta um pouco distante. Cada um tem seus motivos, que com certeza ninguem sabe alem deles mesmos. Então pra julgar em cima de especulações, não adianta nada.

fernando disse...

Ico, não foi vez quem disse: "Quanto mais eu conheço o homem, mais eu adoro o meu cachorro!" ?
Se não foi, é assim mais ou menos que eu penso!