quinta-feira, 18 de outubro de 2007

NEM TCHUNS

Marco Canseco, do jornal espanhol Marca, perguntou aos 22 pilotos do grid por quem torceriam na decisão do título. Apenas um se absteve na resposta.

“Eu não sei”, foi o que disse Kimi Räikkönen.

6 comentários:

Robson Leandro da Silva disse...

Em 1984 na decisão entre Prost e Lauda fizeram uma pergunta semelhante para todos:

´´Se você ver no seu retrovisor um dos dois se aproximando, você dará passagem?´´. Um piloto fez uma cara de quem não tinha entendido o porque da pergunta e respondeu meio perplexo: ´´não´´.

Esse cara era Ayrton Senna, no seu ano de estréia.

Sei lá Ico, acho normal. O Kimi tem o hábito de ser sincero e não ligar muito pra bobagens que cercam a F1. Ele deve estar pensando no avião que pegará voltando pra casa no domingo à noite.

Lucas Carioli disse...

O problema de Kimi, é que ele realmente não parece sequer gostar de falar. Não é a questão de falar certinho como Prost fazia, ou o contrário, falar o que pensa como Piquet fazia. Raikkonen não fala nada e quando solta seus poucos mumrúrios, são frases totalmente desinteressantes.

Fala então que "vota em si mesmo", hehe. Melhor que a resposta que deu.

Abraços!

Anônimo disse...

HAHAHAHAHA, esse cara é hilário!!!

Mas, Ico, qual foi o resultado da enquete?

Abs

Renato Müller, Sâo Paulo/SP

Bruno Machado disse...

Muito boa essa do Kimi! :D

Leonardo disse...

Na boa, eu não sei porque o pessoal reclama tanto da "frieza" do Raikönnen. Esse cara é demais! Fala o que quer, mesmo que seja o "bela bosta se foi meu aniversário".

Vai ver eu me identifico com o cara por também estar pouco me lixando pro meu aniversário... nunca ganho presente mesmo!

Em tempo: esse seu contador de acessos por país é meio esquisito. Tem um "europa" com 2 visitas mas também tem a divisão por países! (aliás eu contribuo fortemente pras 16 visitas da Alemanha)

fabrizio Salina disse...

Uma pergunta tão idiota só poderia ter uma resposta assim! Depois chamam o cara de burro...