domingo, 20 de julho de 2008

HONDA 2009

Há exatos cinco anos, Rubens Barrichello fazia sinal de positivo depois de vencer o GP da Inglaterra, naquela que eu considero sua melhor performance na Fórmula 1. Neste ano, também em Silverstone, ele voltou a andar bem e conseguiu um excelente pódio. De forma não oficial, Ross Brawn confirmou neste final de semana a permanência do brasileiro – e de Jenson Button – na equipe no ano que vem. É um prêmio e um reconhecimento ao bom desempenho dele neste ano e mostra que seu entusiasmo na hora de falar sobre trabalho é autêntico e não retórico. Rubinho disse que não assinou contrato, provavelmente não tenha assinado mesmo, mas acaba se traindo ao comentar com entusiasmo sua expectativa com o carro do ano que vem. A oficialização do acordo é mera formalidade.

Também atrelado a isso: com Red Bull e Honda confirmando suas duplas para 2009, isto só pode significar que já sabem onde Fernando Alonso vai correr no ano que vem. Eu ainda apostaria na combinação Renault-09 e Ferrari-2010. Mas tem gente suspeitando que ele possa parar na BMW, com Kubica na McLaren e Kovalainen de volta para a Renault. Será?

2 comentários:

Herik disse...

Duvido muito que Kubica pare na McLaren. Seria uma ameaça muito grande para o queridinho Hamilton e, além disso, o polonês deve saber de histórias "interessantes" contadas pelo seu amigo Alonso.

Torço mesmo é que o espanhol arrume sua vaga na Ferrari. E logo.

Anônimo disse...

mclarem é rosberg...
ja deixaram escapar essa semana...
e ele só nao foi esse ano pra mclarem por "contrato", entao a opcao foi o kovaleinen...

e tem um clausula no contrato dele que diz que se a willians nao terminar o mundial em 4, ele tem a opcao de cair fora.


abraço