terça-feira, 1 de julho de 2008

TV BLOGO – DIJON 1979


Todo mundo viu, mas não custa nada relembrar (muito pelo contrário, aliás). Hoje, dia primeiro de julho, o duelo mais famoso da Fórmula 1 completa 29 anos de idade e continua embalando os sonhos de qualquer de automobilismo.

Um detalhe não muito conhecido do episódio. Na corrida seguinte, em Silverstone, Gilles Villeneuve e René Arnoux foram chamados a uma reunião com a cúpula da GPDA na época, formada por Niki Lauda, Emerson Fittipaldi, Clay Regazzoni e Jody Scheckter. Lauda acusou: “Vocês pilotaram em Dijon de maneira perigosa e danificaram a imagem do esporte”. Arnoux respondeu de imediato: “Com você, isto jamais teria acontecido... porque você levantaria o pé logo de cara!”. Gilles virou as costas aos pilotos e deixou a sala. Rindo.

5 comentários:

Dirceu Macedo disse...

hahaha, esse epsódio eu desconhecia Ico, show de bola!

KlauSS disse...

É... Ando chegando à conclusão de que tudo o que o Niki Lauda tem que ser interpretado ao contrário. Ele não acerta uma! ehuehueheuehu

marconi disse...

Niki Lauda, o senhor é um "fanfarrão"
Se há algo com a imagem "danificada" é a GPDA. Essa associação não serve e parece que nunca serviu pra nada.

Rodrigo Mattar disse...

O Lauda até ousaria fazer algo semelhante em 1974 e 1975, quando era um dos pilotos mais rápidos da F-1 e ainda não tinha sofrido o acidente que com certeza lhe deixou seqüelas inclusive no aspecto psicológico. Não foi à toa que o "conterrâneo" do Ico saiu à francesa no GP do Japão de 1976, debaixo da chuva. "Paura!", exclamaria Niki para a imprensa transalpina.

Anônimo disse...

A carreira de Lauda foi incrivel ,mas fora da pista é repleta de altos e baixos quando abre a boca .
Certamente este não foi um bom momento .

Jonny'O