quarta-feira, 1 de abril de 2009

AS MENTIRAS DO VÔO MH124

O Boeing da Malaysian Airlines veio de Melbourne, digamos, bem freqüentado. Apesar do horário ingrato, com decolagem à 1h15 da manhã australiana e pouso pouco depois das cinco nos relógios malaios, a aeronave trouxe o líder do Mundial 2009 Jenson Button e sua entourage: pai, namorada e preparador físico. Trouxe também o bicampeão mundial Fernando Alonso, o australiano Mark Webber e suas respectivas trupes. Se o piloto sumisse, teríamos pelo menos outros três de competência comprovada.

Claro que todos estavam confortavelmente aboletados na classe executiva. Na econômica, apesar do aperto, consegui dormir umas cinco horas – meu recorde em vôos! Enquanto esperava minha bagagem, vi que a esteira do aeroporto da Kuala Lumpur também tem difusor: as malas de Button e sua turma chegaram rapidamente.

Para passar o tempo, aproveitei para fazer uma brincadeirinha de primeiro de abril com meu colega de classe econômica Álvaro Ademà, o torcedor profissional de Alonso. Com ar grave, despejei toda minha indignação em cima da Renault por ter mandado Nelsinho Piquet embora para colocar Romain Grosjean no seu lugar. Quando ele começou a absorver o choque, abri um sorriso e emendei... “primer de abril, el dia de la mentira!”

Álvaro achou divertido e me ensinou duas coisas: em espanhol, se chama “día de los inocentes”. E, lá, ele acontece no dia 28 de dezembro. Foi então que contou uma história curiosíssima. “No final do ano passado, todo mundo achava que iam fazer algo do gênero ‘Ferrari contrata Alonso’. Só que no dia 28, foi a Gazzetta dello Sport da Itália que publicou essa informação. Ficamos todos sem entender nada”.

+++

A conversa com o “aficionado” remeteu imediatamente ao mesmo vôo Melbourne-Kuala Lumpur, mas o do ano passado. O avião estava repleto de jornalistas e, a certa altura, me juntei numa conversa no final do corredor com o inglês Ed Gorman, do “The Times” e o espanhol Carlos Miquel, do “As”. Perguntei se eles tinham visto a matéria da “Autosprint”, afirmando que a Ferrari já havia decidido trocar Felipe Massa por Sebastian Vettel ao final da temporada (lembram dessa?).

Eles não sabiam da história, mas os olhos de Miquel ganharam um brilho intenso. “Mas se for para tirar Felipe, eles podem colocar Fernando...”, raciocinou em voz alta. No dia seguinte, o “As” estampou na sua manchete de motor: “Ferrari quer Alonso para 2009”. Lendo o texto, me diverti com o teor especulativo utilizado por meu colega que, no fundo, criou um rumor em cima de outro rumor – ambos infundados, como se sabe hoje. E ri mesmo quando fui questionado por meu editor se havia visto a matéria do “As”. “Sim. Eu que pautei o repórter”, brinquei.

Detalhe: em 2008, o vôo não aconteceu em 1° de abril...

7 comentários:

Anônimo disse...

Desta forma vemos como as notícias que vinculam pela mídia são todas um tiro no escuro hahaha, muito boa Ico. E o pior que é só um piloto ir mal numa corrida e outro ir muito bem numa equipe menor que já começam com essas fofocas...

O Felipe Motta da Jovem Pan comentou que veio no avião junto com o Nelsinho e o Rosberg, e ambos estavam na classe "menos previligiada do avião" por assim dizer... Então como que fica? O Alonso paga do seu bolso as passagens de executive ou a Renault só paga pro Alonso esse requinte?

Trecho do Felipe: " - Quem você gostaria de ser em termos de destaque no contexto da F-1: Nico Rosberg, Nelsinho Piquet ou o preparador físico de Kimi Raikkonen? Pois bem. Vim no voo dos três. Somente o ”truta” do Homem de Gelo foi em espaçosas poltronas. Que coisa hein? Depois falam que Piquet e Rosberg são mimados. Estavam lá, nos braços do povo. Em tempo: Nelson pai estava na business."

Abraços

Bruno disse...

"Eu que pautei o reporter" (!!!) hahahahahaha

E vou te falar: melhor isso do que algumas porcarias pseudojornalísticas.

Raul Costa disse...

O alvaro falou da sua brincadeira no blog dele.

alias
blog sem graça q ele tem hein?

@lemao disse...

Se o piloto sumisse, tería pelo menos mais um de competência comprovada para pedir ajuda pelo rádio.

Sds

Rianov Albinov disse...

Que beleza Ico!

Esta estórias são demais. Nada mais legal do que conviver com este pessoal.

Parabéns.

Paulo Cunha disse...

Post de cima, Fábrica de Chocolate. Post de baixo, Fábrica de Notícia.

Ico, se não foi proposital, eita ato falho...

Abraços e parabéns!

JT disse...

Ico, com todo respeito ao seu amigo, o 'AS' eh uma bosta.
Consegue ser pior que os tabloides ingleses...