segunda-feira, 7 de setembro de 2009

MERCEDES E A BRAWN

A notícia publicada hoje pelo Daily Telegraph sobre o interesse da Mercedes-Benz em se tornar sócia da Brawn GP é das mais interessantes. No início do ano, quando Jenson Button enfileirava vitórias e a McLaren colecionava fracassos, surgiram as primeiras especulações de que a montadora alemã poderia assumir a equipe novata para correr com seu próprio nome. Ao que parece, a situação é um pouco diferente agora: a Mercedes ficaria de sócia na Brawn ao mesmo tempo em que manteria sua parceria com a McLaren. Mas é uma novidade que, caso se confirme, pode ter um impacto significativo no mercado de pilotos. Porque os alemães estão cheios de nomes para sugerir a seus parceiros, nomes que gostariam de ver associados à sua marca na Fórmula 1: Nico Rosberg, Paul di Resta, Sebastian Vettel e por vai. A idéia de ampliar sua influência nas equipes aparece como uma solução para esse desejo, seja para o ano que vem ou para os seguintes.

14 comentários:

Marcos Diniz disse...

Não duvido, a Mercedes não está tão bem com a McLaren, cuidado McLaren, cuidado Rubinho.

Ron Groo disse...

Seria a salvação financeira da equipe de Ross, e um grande problema para Rubens, que teria de concorrer com pilotos "da casa" fortissímos como o Vettel e alguns que aina são promissores como o Nico.

Isto claro, cogitando o fato da metade inglesa da parceria querer ficar com o Jenson.

Caíque Pereira. disse...

Acho normalíssimo, afinal a F1 atual é muito mais business que em anos passados e existe a tal FOTA.

LeandroSpectreman disse...

desse jeito, a Mercedes vai "encampar" metade do grid!

Leone disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Leone disse...

Eu fecho com o Caique,

Vejo como um investimento, uma aplicação... Tal qual fazemos, quando ha dinheiro sobrando.

Tarcisio disse...

vai ganhar mesmo é direito de palpitar em mais uma equipe, se cuida Barrichello

Arthur disse...

Tomara que não.

As coisas estão bem assim.

Com o título de construtores e de pilotos a Brawn vai arranjar bons investidores.Logo,o dinheiro da Mercedes não vai ser o mais importante.

marconi disse...

Eu acho que nessa leva de alemães poderíamos encaixar um brasileiro: B. Senna.

Anselmo Coyote disse...

Ico,

A Mc Laren acabou de lançar o superesportivo MP4-12C. Especula-se que o motor não será Mercedes-benz, mas um V8 - 6.2cc, construído pela própria Mc Laren. Pode ser mesmo um indício de ruptura entre a montadora e a equipe.

É um problema.
A F1 se transformou nesse circo, no pior sentido do termo, por causa das montadoras. Com o lançamento de mais esse tentáculo de uma delas...

Sei não.

Abs.

Thales Toledo disse...

Isso ae. Na primeira temporada que nem a Brawn, e nem a Mclaren emplacarem, a Mercedes, por corte de gastos, resolverá retirar-se da categoria, quebrando, ao invés de uma, duas equipes!

Bruno disse...

Sei não.
E oq impede a mercedez de ao invés de um, ter 3 carros de ponta correndo pelo seu principal piloto?

Acho que deveria ter limite.

Anônimo disse...

Ico, nada mais justo, visto que a Brawn salvou o ano da Mercedes, burrice fizeram os alemães com uma fabrica de carros no Brasil, querer importar peças em EUROS.
É nos erros que se apredende? a crise mostrou até alemão aprende.

Fernando Mayer disse...

Ico,

Sinceramente estou vendo essa "fusão" como um grande problema para todos se isso de fato se concretizar.Primeiro, eu concordo plenamente com o comentário feito pelo Thales que diz que se as coisas não andarem como planejado pela Mercedez ela não vai pensar duas vezes antes de abandonar o barco e deixar as duas equipes e seus respectivos pilotos na mão.Segundo que esta história de entuchar guela a baixo um piloto que está lá mais por questão de nacionalidade do que por competência (não que isso falte aos pretendentes citados)já mostrou que em nada acrescenta a nenhuma das partes.A Brawn realmente precisa de um orçamento maior mas acho difícil o titulo de construtores não vir este ano.
Tomara que o pessoal da Mclaren feche logo com o Rosberg,pois ele tá merecendo um carro melhor há tempos e que o Vettel continue com o bom trabalho que está fazendo na Red Bull assim até o trabalho do Rubens não será prejudicado por este tipo de situação.

Abs