quarta-feira, 6 de outubro de 2010

DA JANELA DO TREM

Foi um dia bem longo. Chegar em Suzuka não é mole se você vem de Narita e é chegado numa aventura como eu. Depois de doze horas de voo desde a Europa, o fuso faz com que você ande grogue o tempo todo. O resultado disso foi que esqueci um protetor do laptop no trem que liga o aeroporto a Tóquio. E também o livro que eu estava lendo no trem entre Tóquio e Nagoya. Pelo menos deu para sacar a câmera e fazer umas imagens da paisagem e das estações pelas quais eu passei. Com vocês, o Japão visto da janela de um trem.

9 comentários:

Othon Gervasio disse...

Este deve ser um pais intrigante, cheio das particularidades...Boa estada Ico !

Celso AM disse...

boa cerveja, a Asahi Super Dry..

bom trabalho!

Smirkoff disse...

Caramba, que saudades que essas fotos me deram!! Preciso dar um jeito de viajar de novo pro Japão logo...

Hideki disse...

E aí Ico...td bem?
Excelente as fotos ... bom olhar!
A propósito, qual equip. vc usa, e qual lente?
Vendo as suas fotos, dá uma saudade da minha segunda "terrinha".
Bom trabalho aí pra vc.
Sayonara. Abçs

Hideki Katiki

Ron Groo disse...

Gostei muito das fotos... Agora eu queria saber como se sente alguém (acho que não é seu caso) que aporta no Japão e vê as coisas como na foto das garrafas d´água. Tudo em japonês e sem entender zica nenhuma... Deve ser uma angustia danada.

Manda mais fotos, fala da comida...

Celso AM disse...

fotos de comida tb seria interessante... abs!

Leo disse...

Esse trem deve ser rapido mesmo, parece um Kichute (branco)!

Janaína disse...

Chamou atençãoas roupas secando na sacada. Se fosse aqui no Brasil, estariam penduradas na parte de vidro, pra todo mundo ver, qual ocorre em presídio. Mas no Japão, colocam tudo em varal no chão, arrumadinho e elegante. Até em coisa boba assim a gente vê como faz falta a educação.

carlo paolucci disse...

Master Ico,

Sei q é longe e caro, mas dar um pulinho em Kyoto é o melhor dos mundos. Fiquei baseado em Osaka, mas me mudei p lá quando descobri q a ex-capital japonesa é uma mistura de samurais e carros elétricos. Eletrizante.
Saudações belgo-monarquistas
carlo paolucci