quarta-feira, 12 de setembro de 2007

FOTO DO DIA – TESTES EM SPA 2007

Está explicado porque a Fórmula 1 tem tão poucos abandonos hoje em dia. Além da confiabilidade dos carros e da falta de ímpeto para se buscar uma ultrapassagem, os pilotos têm à disposição um estacionamento de supermercado para manobrar após eventuais erros ao volante. Clique para ampliar.

4 comentários:

Milton M. Bonani disse...

É verdade. Além disso, o piloto pode acelerar com vontade porque sabe que se der uma escapada, tem para onde ir sem grandes consequências.

Juliano "Kowalski" Barata disse...

Sem dúvidas. A pilotagem fica mais displicente em termos de avaliação do risco da ousadia.

Mas tem o outro lado da moeda, como sempre. Nem sempre o carro sai da pista por culpa do piloto. A área de escape de asfalto permite uma desaceleração mais eficaz. Grama não serve para nada além de impedir a frenagem, e a brita pode fazer o carro decolar.

A velocidade em curvas de um F1 atual é absurda, por isso até compreendo o "estacionamento".

Só acho que as curvas e a topografia dos circuitos poderia ser MAIS OUSADA e radical, já que há este recurso da enorme área de escape. Do jeito que está, temos uma pasteurização completa.

[]s

edson framil disse...

começou com as zebras que nao podem ser apenas zebras sao continuaçao do asfalto
depois veio essa historia de brita impede o carro de voltar para a prova se tiver condiçoes
ora! se tivesse condiçoes nao estaria na brita teria evitado o contato
provavelmente um bem idiota...
bom daqui a pouco a gente vai ver corrida em estacionamento do wal mart e do carrefour que da e sobra pra todo mundo fazer cagada e poder voltar...
formula 1 parece coisa de viado de vez em quando

Smirkoff disse...

Era o David Purley que dizia que para ele automobilismo tinha que ter algum risco. Ele achava que, se soubesse que NÃO PODIA pôr uma roda fora da pista, ele iria se esforçar em ser rápido pilotando direito. Mas desde que ele disse isso, há uns trinta anos, as velocidades em curva aumentaram muito. E como disse o Juliano, uma saída de pista nem sempre é culpa do piloto, veja o caso do Raikkonen sábado passado. Os circuitos modernos favorecem os medíocres, mas se mantêm tanto eles quanto os gênios vivos, para mim está muito bom.