quinta-feira, 13 de setembro de 2007

MINIATURAS – McLAREN M23 E FERRARI 312T2

A Fórmula 1 chegou a um ponto em que a corrida mais importante do ano está ocorrendo neste momento a portas fechadas, sem transmissão ao vivo e narração de Galvão Bueno. Triste. Mas uma batalha jurídica entre McLaren e Ferrari não é novidade. Em 1976, o título de James Hunt veio após várias controvérsias, nas pistas e nos bastidores. Na época, o valor do título do inglês foi muito questionado. Hoje, pouco se fala disso. Certamente, qualquer que seja o veredicto de Paris e quem quer que seja o campeão, a história vai se repetir agora.

Nada melhor para ilustrar o dia de hoje do que estas miniaturas Scaletrix, enviadas pelo Wander José. James Hunt e Niki Lauda em versão autorama – uma plataforma na qual se pode medir quem é o melhor sem polêmicas. Aqui, só vale o contador de voltas.

5 comentários:

zé antonio coelho disse...

Ico, aproveitando o gancho dessa maracutaia (mais uma) envolvendo a Mclaren, seria legal um post relembrando aquela outra entre as equipes Shadow e a então estreante Arrows. Valeu!

Fleetmaster disse...

Lindo conjunto. Nunca vi um desses ! uma MCLaren e uma Ferrari em um mesmo " estojo especial" nem o colecionador mais fanático poderia prever algo do tipo. EStá de parabéns !!!!!!

Lucas Carioli disse...

Lindos os modelos. O M23 eu tenho também.

Sobre a temporada de 1976, embora eu não tenha visto ao vivo, acho uma das melhores. Reune tudo que eu gosto: pistas fantásticas, carros lindos, pilotos espetaculares. E na minha opinião, o título do James é merecidíssimo. Ele pilotou muito naquele ano, em especial na última etapa, no chuvoso Japão. Não tomou conhecimento dos adversários e pilotou como nunca.

Abraços!

Ico (Luis Fernando Ramos) disse...

Lucas, desculpe mas vou discordar de vc. Hunt ganhou o GP da Espanha daquele ano com um carro fora do regulamento e foi desclassificado por isto. Dois meses depois (!), a FIA julgou o recurso da McLaren e resolveu tolerar a infracao técnica: Hunt ganhou o primeiro lugar de volta e a McLaren pagou uma multa de 3 mil dólares. Na época desta decisao, Lauda estava disparado em primeiro na tabela. Coincidência?

Lucas Carioli disse...

Sem dúvida Ico respeito sua opinião. Em circunstâncias normais, Niki levava o título fácil. A treta da Mclaren e o acidente em Nürburgring foram cruciais. Mesmo assim, valorizo o título de Hunt, que foi veloz quando precisava, em especial na segunda metade do campeonato.