terça-feira, 9 de outubro de 2007

MINIATURAS – LEYTON HOUSE CG901

O André Dias mandou esta bonita peça fabricada pela Tamiya na escala 1:20. É o Leyton House CG 901, pilotado por Ivan Capelli e Maurício Gugelmin na temporada de 1990. O projeto tinha a mão de Adrian Newey (junto com Gustav Brunner e Chris Murphy) e, claro, se destacava pela excelente aerodinâmica. No GP da França, o italiano liderou a maior parte da prova, mas chegou em segundo lugar.

Adrian Newey que até hoje está na ativa. O projeto do RB4 está adiantado e Helmut Marko, consultor da Red Bull, anda disparando rojões. “É um carro para disputar o título”, garantiu.

5 comentários:

Herik disse...

Linda miniatura! Dá para perceber que sua montagem foi impecável. Parábens a quem fez o trabalho.

Lucas Carioli disse...

Rapaz do céu... assim que vi a foto, meus batimentos cardíacos se aceleraram. Esse é o meu carro favorito do final dos anos 80, entre 1988 e 1990. Não tem cor no mundo que se iguale à essa mistura conseguida pela March/Leyton House.

No GP da França de 1990, torci desesperadamente para Capelli ganhar, mas infelizmente Prost passou. Ivan parece nem ter ligado, no pódio era só sorrisos.

Abraços!

Milton M. Bonani disse...

Também gostava muito desse carro. Tenho uma foto ótima dele em Interlagos na saída do Laranjinha com o Gugelmin pilotando. Aliás a miniatura e a foto estão tão boas que nem parece miniatura. Fiquei chateado na época quando a Leyton House faliu.

Juliano "Kowalski" Barata disse...

Um dos F1 mais lindos da década, não há dúvidas. Linhas limpas, corres sensacionais. Difícil de ver esse bicho em escala!! []s

Anônimo disse...

Esse carro � dos mais bonitos da F1

Andr� parab�ns pela magestosa execu�o namontagem do carro.

Abra�os.

Carlos Malfitani