quinta-feira, 11 de setembro de 2008

"ELE JAMAIS SERÁ ESQUECIDO"

exatos 30 anos, o piloto sueco Ronnie Peterson morreu no hospital de Nigarda, um dia após o forte acidente ocorrido na largada. No ano passado contei um pouco sobre isso, junto da história fantástica de um sujeito que trabalha hoje num hotel nas Ilhas Virgens e diz ser Ronnie Peterson. Agora, leia nos comentários do post o depoimento (em inglês) de um internauta que conheceu esta pessoa. Dá para ficar arrepiado.


Hoje, aproveitei a ocasião para uma rápida conversa com o jornalista sueco Freddy Af Petersen, presente no circo desde os anos 70. Confira abaixo:


LFR – O que você lembra daquele dia?

FAP – Foi tudo muito estranho. Conversei com o médico horas depois do acidente e ele disse para que eu não me preocupasse. No máximo, iriam amputar alguns dedos do dele. , no dia seguinte surge a notícia que ele tinha morrido no hospital. Foi um choque.


LFR – Como era Ronnie pessoalmente?

FAP – Muito tímido, muito mesmo. Era o tipo da pessoa que você precisava conquistar a confiança mas, uma vez feito isso, seria capaz de te dar a última camisa que tivesse. Me lembro que, no início, me dizia muitas coisas importantes, com a condição de que eu não publicasse nada. Fiquei dividido, é claro, mas acabei não escrevendo. Depois de umas quatro corridas, ele anunciou para mim: ‘minha família conferiu as suas matérias e você realmente não publicou nada. Agora, eu confio em você’. Ficamos grandes amigos e soube depois que tinha feito a coisa certa ao ser leal com ele.


LFR – No final dos anos 70, a Suécia perdeu sua corrida e dois pilotos muito populares, Peterson e Gunnar Nilson. Como é a popularidade da F-1 no país hoje?

FAP – Ainda é muito popular, mas seria muito mais se tivesse um piloto sueco correndo. Mesmo assim, Ronnie Peterson não foi esquecido, e acho que jamais será. Não que todo mundo no país saiba quem foi ele, mas para quem gosta de esporte, ainda é um grande ídolo, uma referência.

6 comentários:

Sergio Dantas disse...

Ico,

Smugglers Cove fica aqui!!! Aliás estive por lá há duas semanas... fica há cerca de 20 minutos de casa e é uma das minhas praias prediletas...

Vou começar a procurar o "Ronnie Peterson" por lá. Se tiver notícias mando uma foto e conto o "causo".

Parabéns pelo blog que continua excelente.

Abs,

Luiz G disse...

Fantástico!!
Bem....Há quem acredite que Billy the Kid não teria morrido em 1889,
Nem Lampião em 1938,
Nem Walt Disney em 1966,
Nem Jim Morrison em 1971,
Nem Elvis Presley em 1977,

...Agora, a Formula 1 ganha seus mitos imortais!

Eu acredito que todos estejam vivos, assim como o Monstro do Lago Ness, logo, para mim, Ronnie Peterson também!
...E tenho dito!

Abraço

Felipão disse...

Deve ter sido um choque muito grande para o país na categoria, que de uma hora para a outra, perdeu Nilson, Peterson e sua corrida...

Perguntou exatamente o que gostaria de saber..

Valeu, Ico!!!

Lucas Carioli disse...

Pra mim ele é, simplesmente o melhor de todos!

Abraço Ico!

Ajzas disse...

Na época falaram muito em erro medico, que teria ocorrido desde o atendimento logo após o acidente. Foi uma pena, Peterson era uma personalidade incomum e também um dos pilotos mais rápidos da historia. Essa foto é uma belíssima recordação, o Sueco parece imortal mesmo!

Ico (Luis Fernando Ramos) disse...

Grande Serginho, se conseguires, aguardamos histórias de "Ronnie cover". Grande abs!