quinta-feira, 13 de maio de 2010

CE MATIN A MENTON

Eu tomava tranqüilo meu café-au-lait, um croissant convidativo descansando no prato, quando ele chegou. Já alguns anos acima dos 70, caminhando com dificuldade, ele soltou um “bonjour” bem cantado, saudou as duas atendentes uma década e meia mais jovens e pediu seu desjejum nos mínimos detalhes: apenas um dedo de café na xícara, o pão aquecido um minuto no forno e um pequeno pote de geléia de pêssego. A indiferença das senhoras deixou a impressão de que a rotina do pedido lhe dera ares de um ritual que pouco as interessava. Nada que tirasse seu ânimo. Era uma figura engraçada: trajava um blazer laranja que contrastava com um pulôver azul-celeste impecavelmente passado. Os cabelos eram pintados com uma cor caju, a mesma da gritante peruca, penteada para o lado, que cobria sua careca. Ele sentou-se à mesa, puxou a edição do dia do “Nice-Matin”, colocou os óculos de grau e ficou curtindo a leitura, enquanto assoviava um antigo sucesso de uma chanteuse. Ou era simplesmente sua alegria cotidiana de aposentado na Riviera Francesa, ou ele tinha um encontro com outra pensionista e a expectativa de passar o dia relembrando a vida e as histórias do milênio passado – o atual parece ainda não ter chegado na pequena Menton – o deixava especialmente animado. Só sei que era uma animação contagiante. Terminei meu café e vim trabalhar, não sem antes tirar uma foto da patisserie com o ilustre personagem lá no cantinho do vidro. Que o dia de todos nós seja tão alegre quanto o dele.

12 comentários:

roger disse...

Bom dia pra você também Ico!
-Estas são as verdadeiras impressões que volta e meia faço em viagens, fotografar personagens que nos façam 'imaginar cenários'...
E de uma forma ou outra serão relembrados por nós por longo período!

Luis disse...

pequeno erro:
se escreve: CE matin à Mention...

voilà

Ico (Luis Fernando Ramos) disse...

Opa, corrigido.

Merci!!

Anônimo disse...

café com leite em francês é mais bonito e elegante do que escrito em português!
Abraços

Anônimo disse...

Ico, Viajamos com você, relembrar é viver.

Daniel Médici disse...

Menton, justamente a cidade onde um amigo meu passou o último semestre. Voltou de lá há menos de um mês.

Paisagens, prédios, tudo isso a gente vê pelas fotografias. Viajar mesmo é uma questão de conhecer pessoas.

Lucas Carioli disse...

Desculpem a ignorância, mas quem é o ilustre personagem?

Talita disse...

Croisssant, café au lait,Principado, pessoas em sua doce rotina, é, o ambiente está ótimo.
.
Aliás foi nesse GP que o Ayrton levou a então namorada Adriane pra um passeio de moto...que inveja..

C'est la vie

:>)

JcroB disse...

Ico:
Beleza de imagens que v. manda. Foi ótimo desgustarmos juntos esse café da manhã.
Até mais.

Ituano Voador disse...

Que bela dica o senhor pimpão nos oferece... saber encontrar 'la joie de vivre' num pequeno café com torrada, numa bela foto, no céu azul que nos recebe toda manhã, numa boa música...
Abs.

De disse...

6 € pelo petit déjeuner tá ótimo Ico.

Esse não é o preço que se paga em Mônaco.

Quem é seu personagem?

Ico (Luis Fernando Ramos) disse...

O ilustre personagem é um aposentado de Menton. Anônimo, mas ilustre em sua atitude... :)

Abs!