quinta-feira, 4 de novembro de 2010

MATCH POINT

Fernando Alonso chegou relaxado e sorridente ao paddock de Interlagos no início da tarde de ontem. Deixou claro que não sente nenhum peso no fato de poder sair do circuito paulistano no domingo como tricampeão do mundo. Conversou longamente com seu engenheiro de corrida, o italiano Andrea Stella, já estudando estratégias diante de um cenário incerto quanto ao clima paulistano.

Acima de tudo, o espanhol estava genuinamente feliz por estar no palco onde conquistou seus dois títulos mundiais. Foi o que ele revelou na conversa que tive com ele:

- Sempre é especial vir aqui. Cada vez que chego no aeroporto, no hotel ou aqui no paddock, me recordo daqueles momentos da conquista de um título. É algo que carregarei comigo sempre - admitiu.

Mas o discurso de Alonso sobre a possibilidade de ser campeão aqui no domingo é claro: o importante é minimizar a possibilidade para jogar toda a pressão para os pilotos que precisam correr atrás dos pontos.

- Talvez a chance de vencer aqui pareça maior do que realmente é porque estamos vindo de um resultado como o da Coreia, quando venci e os dois Red Bull abandonaram. Se invertêssemos essa corrida com a do Japão, quando eles fizeram uma dobradinha, todo mundo falaria que meus onze pontos de vantagem não significariam nada. A verdade é que eles seguem como favoritos - avaliou.

Se o piloto não quer pensar na chance de comemorar o tri em Interlagos, as tevês espanholas já se preparam para isso. São quatro emissoras que detém os direitos de transmissão e todas já foram para Interlagos ontem para preparar matérias especiais.

Na Espanha, a transmissão da corrida começa uma hora antes da largada, mas neste domingo ela terá início com duas horas de antecedência. E os satélites já estão reservados para funcionar horas depois da corrida, no caso de Alonso confirmar o título.

(Foto Ferrari)

8 comentários:

Kico disse...

Talento, foco, sorte e ascensão no momento certo.

Rob disse...

Se esse sujeito não fosse tão marrento, dava até pra torcer por ele.
Não sei se merece o titulo devido a quantidade de erros no começo do campeonato.
Pode até não conseguir ser campeão, mas só a virada que ele conseguiu em cima das 2 red bull e das 2 mclaren já mostra a competencia do rapaz.

Anônimo disse...

Se formos por merecimento fica dificil decidir por alguem.

Mclarem vinha bem até Silverstone mas nesse GP a equipe desandou ao tentar usar um novo escapamento difusor.
De lá pra cá foi só fiasco. Hamilton errou dois GPs seguidos e Button desapareceu com os problemas do carro.

A Ferrari teve problemas de motores, desenvolvimento, polemica e erros fúteis como aquele vai-não-vai de Silverstone. Era só devolver a posição do Kubica e Alonso ainda poderia ter ganho pontos importantes naquela corrida.

E a RedBull?? O melhor carro da temporada mas a equipe não se decide por um piloto. Alias ele sempre se decidiu apenas por Sebastian Vettel.
A equipe quer fazer tudo de forma aberta, tipo: "Manda ver garotos".
É bonito, é leal, mas pode com essa brincadeira perder o campeonato como a Williams perdeu em 1986.

Então por merecimento nenhuma dessas equipes deveria levar esse campeonato.

Squa disse...

Transmissão 1 hora antes da corrida? Que inveja. Aqui começa 30seg antes da volta de apresentação, não mostra a volta da vitória para mostrar comercial e corta a transmissão 5 seg depois da champagne.

Edmilson Madureira Segundo disse...

O fato é que ele é o único com condições de ganhar o título aqui (em condições normais). O único com condições de abrir 25 pontos de vantagem sobre o segundo colocado.

Leo disse...

Merecimento shmerecimento.

Apesar de eu nao gostar do Alonso, pela desonestidade e inconsistencia (sem falar na arrogancia fora das pistas), a verdade e que na hora que contava ele fez tudo certinho, nao deu mais mancada, e pos pressao nos outros fazendo com que eles errassem. Portanto, se vencer, eu vou ter que engolir minhas palavras, aguentar os espanhois bocais, e dar parabens. Ao fim de 19 corridas ganha quem deveria ganhar mesmo.

Ron Groo disse...

Bem, bom ou não, talentoso ou não... Quero mais que ele seja engolido pela subida do Café, de novo.

Anônimo disse...

Apenas uma correcao, La Sexta é o canal que transmite as corridas, mostram todos os treinos livres, na classificacao comecam a transmitir meia hora antes e as corridas sempre com uma previa de duas horas, com varias materias interessantes. O unico complicado é aguentar o narrador Lobato, o carequinha é bem pior que o galvao, apenas torce. E torce contra os outros, todo o tempo.