quinta-feira, 19 de julho de 2007

NOTÍCIAS DO DIA

A renovação de Rubens Barrichello e Jenson Button para mais uma temporada na Honda acaba parecendo um “mea culpa” da direção da equipe com sua dupla de pilotos. Numa crise como a que a equipe atravessa, seria muito fácil fazer a corda estourar do lado mais fraco. A Toyota, por exemplo, fez muito disso em sua curta história na Fórmula 1, que o digam Mika Salo e Cristiano da Matta, entre outros.

Mas o voto de confiança à dupla foi dado e a Honda vem se armando com técnicos de outras equipes, sinalizando para ambos a esperança de um verão muito melhor em 2008. É extremamente relevante também o fato de que Barrichello se tornará o piloto com o maior número de GPs disputados na categoria. O que eu penso sobre isso, você pode ler nesta coluna escrita para o GP Total em fevereiro deste ano. Está tudinho !

o caso de espionagem esquentou exatamente em cima da dúvida que eu levantara neste post de ontem (e é uma delícia para um jornalista quando isto acontece). O afastamento de Martin Whitmarsh sinaliza que a caca está voando a toda nos ventiladores de Woking. Como está fazendo um calor fora do comum na Europa neste verão, deve estar a maior sujeira por . Caro Ron, há duas semanas suas lágrimas em Silverstone me pareceram mesmo de crocodilo. Quero ver agora como você vai explicar que não sabia de algo que seu braço direito e todas as pessoas à volta dele sabiam.

3 comentários:

Hugo Becker (Leiam meu Blog!) disse...

Será que ele vai dar uma de Lula e dizer que "não sabe de nada, não viu nada"?

Olha, eu duvido realmente que uma punição à altura desse fato seja dada à McLaren, principalmente pelo fato de o campeonato estar sendo um dos mais disputados dos últimos tempos, mas que eles mereciam, mereciam.


Abraços, Ico!

Anônimo disse...

Fácil, fácil: é só ele pegar uns conselhos com o Lula.
Luiz Eduardo

Anônimo disse...

Vai melar o campeonato!

Jonny'O