sábado, 4 de abril de 2009

IMPRESSÕES DO SÁBADO EM SEPANG

Muito bem, a poeira finalmente baixou, vamos a algumas impressões rápidas do que eu pude acompanhar de perto hoje no circuito.


- O treino trouxe uma impressão de um grande (e bem-vindo) equilíbrio na F-1, principalmente no Q2, com Trulli ficando a dois décimos de Button. Mas uma ressalva é importante: o BGP001 sobressai em curvas de baixa velocidade pela excepcional aderência mecânica que tem. E este tipo de curva, aqui em Sepang, é exceção. Mesmo assim, foi o carro mais rápido da classificação. Ou seja, a equipe ainda está bem à frente do resto.


- Da turma do difusor simples, a Red Bull está sobrando. Eu acho que é por conta do gênio de Adrian Newey, mas Felipe Massa apontou para nós que Ferrari e McLaren estão pagando pela briga do título de 2008. “Eles começaram a trabalhar com o projeto muito antes porque congelaram logo o desenvolvimento do carro do ano passado. no trabalho no túnel de vento, dá para se ganhar uns quatro décimos. E nós, como a McLaren, ainda não tivemos tempo para isso”. É uma opinião muito relevante.


- O torcedor pró- ou anti-Barrichello precisa ter paciência. Sim, Jenson Button está fazendo um ótimo trabalho e o brasileiro admitiu que ainda não está 100% à vontade com o carro mais pesado. Mas Barrichello está literalmente “pilhado” para essa disputa interna. E confiante que sua performance vai crescer logo. Não é o começo ideal mas, com a vantagem que o BGP001 está demonstrando em relação ao resto, Rubens sabe que tem uma “gordurinha para queimar” nesse início de ano. Com problemas como a punição pela troca de câmbio, ele planeja seguir marcando Button nos pontos, para tentar superá-lo no decorrer do campeonato. Conseguindo ou não, vai ser uma briga muito boa de se assistir. Aguardem...


- Como coloquei no post logo após dos treinos, o erro da Ferrari foi ridículo. Mas gostei da postura de Felipe Massa em admitir tranqüilamente que a equipeele incluso – se baseou na facilidade com que passava do Q1 nos últimos anos, se enganando redondamente. O piloto estava obviamente decepcionado, mas muito sereno na entrevista, o que é um bom sinal. Acho que será bem difícil um bom resultado aqui, mas o time definitivamente acordou para a nova realidade da Fórmula 1. Fica como o lado positivo do tombo.


- Sobre Nelsinho Piquet, a ansiedade em mostrar serviço o atrapalhou de novo. Ele estava realmente muito chateado consigo mesmo quando o entrevistei no final do dia. Precisa ter cabeça para trabalhar com tranqüilidade, porque foi justamente essa ânsia que o atrapalhou no ano passado. E tudo o que ele não precisa é repetir aquele roteiro.


- Às 18h40 de hoje caiu o mundo aqui em Sepang. Uma chuva daquelas capazes de interromper um jogo de futebol. Imagine então se tratando de uma corrida de Fórmula 1. Não haverá a menor condição dos carros se manterem na pista. Isso pode ser uma ameaça para a prova. Vamos torcer para a natureza colaborar. basta o ser humano para trazer caos e confusão para este campeonato.


- Até amanhã!

10 comentários:

Marcelle Costa disse...

concordo com você ico em relação à postura do felipe, inclusive me pareceu que ele ta dividindo essa culpa, mas que num teve tanta influencia assim, pq a equipe é a maior responsável por controlar os tempos e fazer os prognósticos de possiveis baixa de tempo, ele ta aliviando um pouco pro lado da equipe, o que pode ser bom para ele dentro da própria equipe.palpite: Amanha acho que o trulli ganha.

Luiz G disse...

Ico, parabéns por sua fé e otimismo diante do quadro todo.

Aos olhos de um mero torcedor:

-Barrichello está perdendo.

-Massa e Ferrari estão sempre cometendo "pequenos" errinhos...

-E Piquet está me lembrando o Michael Andretti em 1993. Uma piada!

Andre disse...

Parece que o Piquet Jr. começou a temporada sobre muita pressão e cobrança. Devem ter dado um ultimato a ele. A presença do pai e as justificativas nas entrevistas ( coisas que não fazia o ano passado) acentuam essa impressão.
Com relação ao que aconteceu ao Massa... lamentável por parte da Ferrari.

Léo Engelmann disse...

Para se localizar: a corrida começa às 17h locais. Terminará por volta das 18h20.

Hoje, choveu forte às 18h40.

Algum piloto tem roupa de escafrando?

Diego Camargo - Floripa/SC disse...

Para mim a grande surpresa está sendo a Toyota. É de se pensar que ao contrário da Brawn GP, eles , acho eu, tem dinheiro para desenvolver mais esse carro.

Agora, acho que a Ferrari e Mclaren não vao dar grandes saltos de denvolvimento durante a temporada como se fala, acho que a luz no fim do túnel que eles veem pode ser um trem. ´Começo de ano difícil para as duas.

E o Barrichello: se a Brawn continuar nessa durante o ano tem total chance de ter uma disputa boa com o brasileiro. Mas já deu pra perceber que o Button está com uma pilotagem "lisa", sem erros. Coisa de campeão do mundo.

Abraço

Filipe Furtado disse...

Leo, a vitoria do Kimi ano passado foi em 1h31, ou seja se a chuva cair 15 minutos mais cedo que ontem vai ser um replay de Spa e Interlagos.

Henry disse...

ICO,
Valores indivduais como Brawn, Button, Newey, Vettel e Alonso emprestam seu brilho à temporada, mas eu vejo um outro ano com destaque para o Tapetão e para os erros crassos.

Ylan Marcel disse...

Fernando Alonso 20x0 Nelsinho. O que me diz?

Cristiano do Popolog disse...

Olá Ico!!!

Eu sou o Cristiano do Blog Pole Position, também conhecido como Popolog. Faço charges - foto montagens - da F1.

Gostei do seu Blog, espero sua visita no meu.

Sobre Sepang: estou gostando na nova F1, principalmente da postura de Massa. Acredito que ele consiga muito mais que Barrichello, nessa corrida não sei, mas vai encerrar a carreira de cabeça erguida ao contrario de Rubinho.

Até mais...

Aderson disse...

Estrear numa equipe grande é bom. Existe um grande suporte tecnico para o piloto. Mas o lado da cobrança é um preço alto demais para alguns pilotos e que é o caso do Nelsinho. Cobranças e cobranças por parte do Briatore, Bob Bell e o staff da Renault. E ainda existe o agravante de ter como companheiro o "idolatrado, salve, salve" Fernando Alonso, cujo o nivel de comparação é altissimo.
Para o Nelsinho teria sido bem melhor estrear numa Toro Rosso ou Williams, ele trabalharia melhor e sem tantas cobranças.