sábado, 23 de maio de 2009

O LÍDER SURPREENDE

Jenson Button não se cansa de surpreender. Ao Mundo. Em dez minutos, saiu de um desempenho apagado mesmo no Q2 para garantir sua quarta pole position na temporada. Quando era pra valer, encaixou um desempenho perfeito e deixou todo mundo a ver navios. É favoritíssimo para a vitória amanhã. “E, se ganhar, ninguém mais conseguirá tirar o título das mãos dele”, avisou Niki Lauda.

No cronômetro, a diferença entre os três primeiros colocados no grid foi muito pequena, mesmo para os padrões da Fórmula 1. Kimi Raikkonen larga em segundo com um tempo apenas 25 milésimos de segundo mais lento. Em 3°, Rubens Barrichello, derrotado por 175 milésimos. Mas o piloto da Ferrari está com o carro mais leve, deve parar 3 ou 4 voltas antes – Kimi mais ou menos na 21ª, Button na 25, Barrichello na seguinte.

Projeções? Bem, vejo os três andando muito próximos no início da corrida, Barrichello assumindo o segundo posto na parada do finlandês e tendo apenas uma volta para decidir a prova a seu favor. Tarefa duríssima. E exercício inútil, o meu. Afinal, basta um safety car a qualquer altura da corrida para as cartas serem embaralhadas. Melhor esperar para ver: o inglês é favorito, mas estamos longe de um “já ganhou”.

Mas numa coisa, eu concordo com Niki Lauda: vencendo aqui, Button realmente ficaria muito, mas muito perto do título. Não pela matemática, completamente reversível já que estamos completando apenas o primeiro terço do Mundial. Mas pelo psicológico. Vencer com autoridade em Mônaco, o traçado mais difícil e em que assumidamente tinha dificuldades, vai fazer maravilhas à sua autoconfiança.

17 comentários:

Cassius Clay Regazzoni disse...

Conexão banda larga R$ 130,00.
Notebook de última geração: R$ 5,000,00.
Ver os fãs puxarem o saco do Barrichello e depois ver Jenson Button calando a matraca dos Puxa-sacos e do segundão: NÃO TEM PREÇO!!!!

A GALERA QUE GOSTA DO BARRICA DEVIA FALAR PARA ELE MUDAR DE CATEGORIA, a F1 e Barrichello, definitivamente não combinam. Viva o medíocre Barrichello!!!! Ele só me dá alegrias, HAHAHAHAHAHAHAHA!!!!!!

Anônimo disse...

Ainda mais nesse sistema de pontuação ,favorece quem é regular .

Imaginem na hora em que o Button só precisar de terceiros lugares para ficar com a taça.

Pelo jeito só o azar de uma quebra embaralha as coisas.

Jonny'O

Ridson de Araújo disse...

http://historiasevelocidade.blogspot.com/2009/05/treino-classificatorio-gp-de-monaco.html

divulgando o blog neste ótimo blog, que é o blog do ico, seu blog está na minha lista faz tempo...
meu blog é novo, tem uma semana ainda, e engatinhando, tem como objetivo falar de História e de f1; podendo articular as duas coisas, melhor ainda.
se puder, dê uma visita..convite a todos que leem este blog ...
o link é do último post, com pitacos e reflexões sobre a classificação...abraços

Aranha disse...

Button está mostrando para seus críticos que de medíocre não tem nada. Sempre defendi a sua competência.
Não entendi o comentário de Cassius Clay. Talvez algo mal resolvido na infância... Terceiro colocado a 125 milésimos do primeiro e ainda mais pesado que os dois da frente e crivá-lo de medíocre?? Medíocre, sim, seu comentário.

Aliás, parabéns o blogo do Ico. Um dos poucos onde é difícil ver visitantes achincalhando pilotos de graça. É raro aparecer um oligofrênico para baixar o nível.

Jandui

Lucas disse...

Button realmente tá demais... A la Schumacher.

Mas que tá ficando chato, isso tá. Tomara que a Ferrari volte a vencer duma vez!

Carlos eduardo disse...

esse tal de Cassius Clay é um chato...
faz um comentario e manda igual pra todos os blogs, sempre perseguindo barrichello...
concerteza é algo mal resolvido,
de infancia ou de qualquer outra epoca, mais que tem problema tem...

em relação a corrida, vamos torcer pra não ser trenzinho sem fim.

Williams Gonçalves de Farias disse...

Surpreende? não acho! o cara largou das 6 corridas, 4 na pole... porque te surpreendeu? a mim, nada mais que a ordem natural das coisas... Button primeiro, alguem em segundo e Barrichelo em terceiro. Nada de surpresas até agora. Surpresa seria Rubens na pole! ou ganhar corrida... aí sim seria surpresa. O campeonato dessa ano está se mostrando o mais entediante dos últimos tempos... só houve ultrapassagens por conta da chuva... e se o Ecclestone tivesse implementado o sistema de vitórias, eu nem acordaria amanha cedo pra ver a corrida... o Button ja seria campeao na sexta corrida! Deprimente isso! A F1 já era! Pra voltar a ser parecido com o que era, tinha que dar carros iguais a todos pilotos... e o acerto + braço é que falariam mais alto! Rubinho.... pffffffffffff, Felipe Massa: bom piloto, mas acho realmente que não vai ser campeao. Piquetzinho....... chora... Grosjean deve tomar o lugar do putardo final do ano... e no mais é esperar até nascer um piloto brasileiro com braço e com personalidade! Torcedores brasileiros na F1... choremos! Esperança zero!

Diego Camargo - Floripa/SC disse...

Apesar de parar mais cedo o Raikkonen pode surpreender, principalmente se passar o Button e conseguir uma boa vantagem(ele está com o KERS?).
Agora, estratégia em Mônaco é bem complicado, justamente porque uma encostada no muro é Safety Car na certa.
Vamos ver, amanhã acho que a Ferrari ao menos chega perto da vitória. Mas a Brawn está com tudo mesmo.

Marcos Antônio Filho disse...

Realmente Jenson está sobrando. A Ferrari resurgiu mas quem eu queria ver no pódio era a Williams...

Go Williams go!

Anônimo disse...

Esse Cassius é um besta mesmo.
Diz que o Rubens só o dá alegria pelos 'maus' resultados, mas veja bem o cara é o 2º colocado do mundial, já correu de Ferrari (olha aí o Alonso tentando desesperadamente guiar uma), tem mto dinheiro, trabalha com o que gosta e tem mulher e filhos... e vc Cassius?

Tem um emprego mísero? Uma família desestruturada? Ganha mal e tem que aturar o chef? Pois, só isso para justificar um brasileiro ficar feliz por ver outro se dar mal, o nome disso é... "minha vida é um lixo, logo fico feliz quando a dos outros se parece mais com a minha."

Quisera eu ter a vida do Rubinho.

Cassius Clay Regazzoni disse...

Aos fãs do segundão:

Minha vida não é a sétima maravilha do mundo (mas eu gosto muito dela), não sou piloto e não sou melhor do que ninguém, mas, apenas não dou desculpas esfarrapadas para meus insucessos, tenho caráter e hombridade para não colocar nos outros a culpa pelos problemas que venha a ter, e, como notaram, assumo minhas opiniões, diferente do “brasileirinho contra o mundão”.

Além do mais, não sei porque vocês ficam tão ofendidos quando digo que Barrichello é medíocre, já deixei claro que essa opinião é minha e é sobre o esportista, o homem público e dele eu falo o que quiser, principalmente porque é ele o primeiro a dar motivos para ser escrachado quando abre aquela boca para falar aquele monte de bobagens e desculpas sem sentido.

A maioria dos fãs do Barrichello são muito engraçados, podem malhar todos os pilotos (como fizeram com Jenson Button antes do campeonato começar dizendo que o Barrichello ia engolir o cara), mas, quando alguém fala mal do Barrichello perdem a esportiva rapidinho.

Acho que vocês levam à sério demais essa paixão pelo Rubens, relaxem amigos e me deixem zoar o sujeito o tanto que eu quiser, se ele não gosta da exposição pública e da responsabilidade que vá fazer algo que não tenha a exposição da F1.

Enquanto existir a liberdade de expressão e eu estiver atacando e criticando o piloto e esportista Barrichello estou dentro do meu direito, se vocês não gostarem, não leiam ou ignorem.

Sinceramente, não quero me indispor com vocês, mas não posso deixar de meter a lenha em um piloto que em uma corrida de início de campeonato aceitou entregar uma posição e uma corrida para garantir um contrato (para mim, isso é um ato imperdoável para um piloto e a antítese do automobilismo). Enquanto esse piloto estiver guiando eu vou estar sim metendo o malho nele.

Não quero que nenhum mal aconteça ao Barrichello, mas torcer contra ele e o que ele representa é o que eu posso fazer de minha insignificante posição de simples espectador.

Esfriem a cabeça e aceitem a zoação numa boa, se amanhã ele ganhar a corrida (o que eu acho bastante difícil) vocês vem aqui e falam que eu não entendo nada de F1, que Rubens é o melhor do mundo e que eu sou medíocre, que eu me ferrei, que agora o Barrichello calou minha boca e otras cositas mas.

Sem remorsos Barriquetes, stay cool!!!

Carlos eduardo disse...

Cassius clay

em tempo...
não sou fã nem defensor do barrichello. só acho que você não precisa fazer uma perseguiçao contra ele. é chato, só isso.
e vou seguir seu conselho e ignorar suas mensagens.

leandro disse...

Creio que Button tenha ¨escondido¨o jogo na classificaçao,conseguiu a pole no braço e deu uma de humilde,dizendo que achava que o companheiro seria pole.Estratégias e coincidencias a parte, Button tem seus méritos sim,apesar de torcer por Rubens,acho difícil a Brawn arriscar tamanha vantagem do ingles.

LeandroSpectreman disse...

Gostaria imensamente de que os quizumbeiros que infestam orkuts e outros "foruns" sobre F1 respeitassem esse blog que é da mais pura qualidade.
O Button foi sensacional. Raikkonen foi surpreendente e Barrichello foi muito competitivo!

valter disse...

Rubens nunca foi um piloto de ponta. O problema é que sempre esperamos mais do que ele pode dar. Fazer o que? Coisa de brasileiro acostumado a ver Emersom, Piquet e Senna.

Anônimo disse...

277 GPs
Rubinho com todos os seus salários
Fica até com jeito de mercenário
Com o Button de adversário
No dia do aniversário.

Assisto e acompanho F1 desde fins de 1980.Já vi muito piloto rápido.Já vi muitos medíocres.E continuo vendo.E continuarei vendo porque amo automobilismo.Os pilotos tão aí pra gente admirar ou odiar as suas tocadas.É isso aí.

Williams disse...

Rubinho é que nem o Ibis... o America do Rio... torcer de verdade pra ele é esquentar a cabeça... ahhh, fala sério! Toda corrida é a mesma ladainha?! Po, 17 anos acompanhando a carreira do cara, vocês ainda não perceberam que o que ele fala não dá pra ser levado a sério? é tudo média... desestressem! Toda corrida é a mesma ladainha em cima do cara! se o cara se vendeu? e daí? jogador de futebol é a mesma coisa... e é difícil alguem malhar tanto assim! Deixa o cara... as prostitutas também não se vendem? e é uma das profissões mais antigas do mundo! Então pronto... Deixa o cara acertar o carro pro futuro campeão ... ele não fez isso 6 ou sete anos na Ferrari? então ponto final! Equipe é assim mesmo: alguem tem que lançar a bola pro atacante marcar! O Rubinho é o melhor lançador de todos os tempos! Não vejam ele como um perdeder, mas sim como um piloto que "trabalha pra equipe"! Ele é um funcionário exemplar! O cara não tá nem aí pra quem torce, não torce, acha ou deixam de achar dele, então... desestressem! Eu só ligo a TV e assisto. Depois de 17 anos... nenhum sentimento mais corre em minhas veias por esse piloto, e aconselho o mesmo a todos! Abs