quarta-feira, 13 de outubro de 2010

PINTANDO AS ZEBRAS

A homologação do Circuito Internacional da Coréia do Sul foi recebida no mundo todo como o capítulo final de uma arrastada novela sobre a construção do mais novo circuito do calendário da Fórmula 1. A expectativa agora fica em torno da corrida, a antepenúltima da temporada e que chega num momento decisivo da disputa pelo título.

Mas eu temo que as notícias de ontem tenham sido apenas o início de um dramalhão mexicano com toques orientais. Embora a maquiagem tenha sido feita, os defeitos certamente vão aparecer na prática. Ao que consta, todo o acabamento das instalações ainda não foi finalizado. Cenas de equipes ou jornalistas sofrendo com a falta de tomadas devem ser uma constante no final de semana do dia 24.

Ainda pior é a questão do asfalto. A última camada foi colocada a menos de uma semana e, como tem chovido na região, é difícil imaginar que ele ganhe a aderência necessária para receber os carros da Fórmula 1 nesse tempo. Tudo bem, não seria a primeira vez que a categoria faria uma prova com o asfalto se desmanchando, vide os GPs de Dallas, em 1984, e o do Canadá, em 2008.

Só dará para ter certeza da qualidade do piso nos treinos livres da sexta. Caso ele segure a onda, um outro fenômeno pode transformar a disputa esportiva numa farsa. Não é incomum que um asfalto novo acabe “suando” piche. Isso deixa a superfície mais lisa que sabão e pode transformar toda a atividade do final de semana numa prova de sobrevivência. Chegar ao final será o único objetivo.

Quem mais perde com o absoluto improviso que se transformou a prova inaugural da Coréia na F-1 foi a Red Bull, favorita natural à vitória em qualquer corrida. Como a vantagem técnica vai ser suplantada pelo imponderável, a zebra pode aparecer. É mais ou menos como um jogo entre um timaço e um de várzea num campo completamente encharcado.

Melhor para a Ferrari de Fernando Alonso e para a dupla da McLaren, que precisa mais do que nunca de um resultado fora do comum para reviver suas chances de título. O time prateado vai jogar todas suas fichas na próxima etapa.

(Foto KIC)

14 comentários:

fidalgo disse...

http://www.motorsport-total.com/f1/bilder/zoom.php?c=10yeongamlok4&d=&b=1286802350&sort=1

será que acabam isso em uma semana?

speed.king.thrasher disse...

Se essa corrida fosse na América do sul, ou até mesmo na Europa já teriam cancelado faz tempo.

É quase certo q teremos um GP de estrutura atípica... ruim pelo lado da esportividade, mas bom pelo lado do circo romano, rs.

ABS!

Speeder_76 disse...

Cada vez mais me convenço que estes tipos da FOM e da FIA estão a brincar com as nossas caras, sabem? Para quem acompanhou as obras de Portimão, ver isto e saber que vai receber a Formula 1 dali a dez dias é um insulto às nossas inteligências.

Mas enfim, o Gagá Bernie é que manda...

Dé disse...

Que palhaçada esse GP coreano! É um total contra senso uma categoria que vangloria em fazer uso da mais alta tecnologia, promover uma prova num canteiro de obras!

Só espero que pelo menos não prejudiquem muito a disputa do campeonato.

Seria ótimo vermos uma equipe média vencendo a prova, e/ou uma das pequenas alcançando os primeiros pontos.

Anônimo disse...

Ico, o hamilton teve problemas com o cambio e foi dito q o problema era sanável, mas a Mclaren disse tbm que as regras permitem outra troca de cambio nessa próxima corrida...
Mas se eles colocaram um cambio novo no japão, tal cambio ñ deveria ser usado até o fim do campeonato? De onde surgiu a regra q ñ punirá eles por tal troca?

ba disse...

É, e assim como um jogo de futiba, a pista é ruim pra todo mundo. A gente gosta de chuva desde que haja áreas de segurança. A gente gosta daquela diferença de pneus desde que não ponha em risco os pilotos. Por que não gostar de uma pista chumbrega (porque chato, o traçado é -e muito!)?

Ron Groo disse...

Eu estou curioso para ver como os carros se comportatão nesta pista.
Aliás, o desenho não lembra um ovo frito?

Celso AM disse...

Ico e Rica Ramos,

Só uma observação: o layout da pista coreana do banner está invertido..

Abraços!

Ico (Luis Fernando Ramos) disse...

Obrigado Celso, corrigimos aqui!

Abs

Pedro Araújo disse...

É o que o Speed-King-Trasher pontuou bem: 2 pesos e duas medidas. Porque outro dia estava o Bernie reclamando e ameçando acontinuidade de Interlagos receber o GP do Brasil.

Mas essa coisa de 2 pesos e 2 medidas é uma constante em todas as áreas hoje em dia. Como o que está acontecendo aqui com essas eleições.

Agora, uma coisa é certa: esse título do post merece o troféu "Trocadalho do Carilho", hein?

Dando uma de Homer Simpson:

hehehe... Pintando as Zebras...

Leone disse...

Ico,

Gostei da pista, andei com o MOD(RFactor) 1975 com o carro do Brambilla.
Achei bem seletiva, pois existem freadas de aproximação, ja estando na curva(Não sei sei se me expliquei bem). O que me deixou um pouco chateado, é que a curva de entrada da reta do Box, é de media/baixa... Acho que isso vai prejudicar a aproximação do carro de tras, para pegar o vácuo(como na da Hungria)e prejudicar a ultrapassagem pois o cara não vai poder entrar "embutido" no carro da frente.
Sei lá, espero que eu esteja enganado.
Abraços.

Klauss disse...

Ico,

levando em consideração esse trecho do seu post: "Caso ele segure a onda, um outro fenômeno pode transformar a disputa esportiva numa farsa. Não é incomum que um asfalto novo acabe “suando” piche. Isso deixa a superfície mais lisa que sabão e pode transformar toda a atividade do final de semana numa prova de sobrevivência. Chegar ao final será o único objetivo." -- deduz-se que a coisa está mais para o Button então, não?

ABraços!

Ico (Luis Fernando Ramos) disse...

Leone, se com a March a corrida foi bacana e com um F-1 moderno for chata, já temos a pista para indicar ao technical working group da F-1. ;-)

Klaus, tb acho q o Button é o rei das zebras, mas faz um tempinho q ele tá devendo. Pro campeonato, seria ótimo se ele vencesse.

Aliás, todo mundo conferiu a entrevista com o Button q eu fiz no último final de semana?

Leone disse...

Ico,

Por favor, nos faça essa gentileza... Diga aos caras deixarem os carros como antigamente.
Tudo bem, eles podem deixar o cambio(aletas) e os freios, o resto bota tudo como era antigamente.

Puts, como seria divertido.

P.S: Muito boa a entrevista.