segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

O SEGUNDO PEDIDO

“Estou vendo show do Yamandú. Morrendo”. Foi este o SMS que mandei há pouco para o meu amigo Rica Ramos, ele sim que estaria morrendo se estivesse presente no show que eu testemunhei. Acho que estou virando um especialista em curtir o show que era para outras pessoas.

Pois depois de Joe Jackson, uma amiga me ligou dizendo que tinha ingressos para o show de Yamandú Costa em Viena. Não conhecia a fera (e, antes que alguns de vocês me crucifiquem, tenham em mente que não sei nada que tenha aparecido no Brasil na última década).

O que vi foi um gênio. Um virtuose que parece derreter com sua própria música, algo que só tinha testemunhado antes vendo um Chick Corea e um Egberto Gismonti tocando na minha frente. Pois este guri gaúcho, mais novo que eu, vomita sua incrível musicalidade quando sobe num palco. E eu sou um cara mais feliz por ter visto isso.

Há tempos que digo para amigos que, caso um dia encontre o gênio da lâmpada, o primeiro pedido que faria seria saber tocar piano como Chick Corea. Hoje sei qual seria meu segundo pedido: tocar um violão de sete cordas como Yamandú. Acho que isto diz tudo.

9 comentários:

tibone disse...

Ico, tive a oportunidade, a alguns anos atrás (ok, muitos) de assistir o Yamandú e o Mestre Baden Powell num show na sede daOSPA (Orquestra Sinfonica de Porto Alegre), e tenho que dizer que foi uma das coisas mais incriveis e cruas que eu testemunhei em termos de música.

A musicalidade do velho mestre e a juventude do jovem garoto (acho que ele tinha 17 anos na época, ou algo assim) foi algo de diferente e fantástico. Foi uma "passagem de tocha", pois infelizmente foi a última vez que o Powell tocou em Poto Alegre.

Mas valeu a pena.

Dé Palmeira disse...

Yamandú pratica o que eu chamo de "power guitar".

Ico, procure ouvir o Hamilton de Holanda. Mas aviso que vais gastar o terceiro pedido.
:-)

Edison disse...

Realizamos uma turne com o Yamandu no Japão em 2005 e no ensejo gravamos e lançamos o primeiro CD dele realizado no exterior chamado "Tokyo Session", com os feras Edu Ribeiro na bateria e Thiago Espirito Santo no baixo. Quebraram tudo ! no bom sentido, claro ! Em 2006 trouxemos o Yamandu para shows solo.

Anselmo Coyote disse...

Dé Palmeira,
Hamilton Holanda realmente é "o cara" nem dá pra comentar. Só dê uma olhada nisso.

Aqui ele com João Bosco (Linha de Passe) e não se esqueça e olhar o bixista.

http://www.youtube.com/watch?v=xC8Y0exgAQ8

Mas ainda tem os dois (Yamandu e Hamilton) no Ibirapuera tocando, dentre outros, Noel Rosa com incidentais de Adiós Noñino de Astor Piazzola.

http://www.youtube.com/watch?v=z5nBd3aYoiI&feature=related


E com o Toquinho homenageando Raphael Rabello; e com Dominguinhos tocando João e Maria (música do Sivuca e letra do Chico Buarque).

Isso é como o sertão de Guimarães Rosa, e, como disse ele, o sertão não tem fim, o sertão está dentro da gente. Melhor nem falar dessas coisas. Só vendo mesmo. E graças ao youtube e outros podemos ter tudo isso à mão, à vista, aos ouvidos e aos outros sentidos.

Esse gênio da lâmpada precisa rever seu número de pedidos, porque eu queria tocar violino como Vanessa Mae e piano, com a alma e a maestria do Gonzalo Rubalcaba ou viola de 10 cordas como o Renato Andrade...

Desculpe-me, Ico... entusiasmei. É que essa coisa não tem fim.

Abs.

José A. Matelli disse...

Brasil de norte a sul, bicho. São Paulo musicada por um baiano e executada por um gaúcho.

Anônimo disse...

Olá Ico,

Uma sugestão é o CD Gismontipascoal,a música de Egberto e Hermeto; com o Hamilton de Holanda (Bandolim) e André Mehari (piano).

Abç

Edmundo (SJCampos)

Ico (Luis Fernando Ramos) disse...

Demais as dicas, pessoal! Estou dando uma bela atualizada no que tem no cenário da música instrumental brasileira dos últimos anos. Caramba, quanta coisa boa!

Aproveitando, dou o meu quinhão: vcs conhecem essa moça Ai Yazaki?
http://www.youtube.com/watch?v=_SpVz0hqeQM

Vale a pena!
Abs

Mike disse...

Tb já vi o Yamandu ao vivo, se nao me engano em 2002. Realmente intenso.

Daniel disse...

muito bom o cara ein...

atualmente de música brasileira o que gostei muito foi:

Pedra letícia (Rock)
Tulipa Ruiz (MPB)
Pato fu (Pop Rock) Cd novo só com instrumentos de criança, muito interessante.