domingo, 30 de maio de 2010

DOMINGO DA DISCÓRDIA

A imagem dos carros azuis de Mark Webber e Sebastian Vettel colidindo na 41ª volta do GP da Turquia ficará para a história da Fórmula 1. Uma batida entre companheiros de equipe valendo a liderança de uma corrida é algo muito raro de acontecer. Algo que remete ao famoso acidente entre Alain Prost e Ayrton Senna na decisão do título mundial de 1989. Uma polêmica daquelas saborosas, que foi o ponto alto de uma grande corrida.

Mais que abrir caminho para uma dobradinha da McLaren, o ocorrido esfacelou a harmonia de uma equipe que se orgulhava de viver um ambiente extremamente positivo mesmo com seus pilotos disputando a liderança do campeonato. Vettel desceu do carro fazendo sinais com os dedos de que seu companheiro estaria louco. Depois, reclamou que Webber deveria ter lhe dado mais espaço e que, no lado sujo da pista, acabou perdendo o controle do carro.


É um ponto de vista válido. Como também é o do australiano. Webber manteve sua linha o tempo inteiro e foi o carro do seu companheiro de equipe escorregando para a direita que detonou a colisão. Ele não tinha nenhuma obrigação em facilitar a ultrapassagem. E minimizou o fato do companheiro apontá-lo como um maluco para que o mundo inteiro visse, justificando que era um momento de alta adrenalina. Uma confusão dos engenheiros da equipe quanto a ordem dada a Mark Webber de economizar combustível certamente não colaborou para que o acidente fosse evitado.


O nervosismo generalizado na Red Bull tem seus motivos. Além do acirrado duelo interno entre seus pilotos, o time não está conseguindo converter em pontos a superioridade do seu carro em relação aos outros. E viu esta vantagem técnica diminuir drasticamente neste final de semana. Com ou sem polêmica, o fato é que a dupla da McLaren conseguiu acompanhar o ritmo do RB6 a corrida inteira, algo impensável há pouco tempo.


Para apimentar a prova épica, os sorrisos no pódio da dupla da McLaren não conseguiram esconder o fato de que o clima no time também ficou abalado neste domingo. A disputa entre Lewis Hamilton e Jenson Button na 48ª volta deixou o piloto do carro de número 2 fulo da vida. Tanto que ele nem levantou o braço em júbilo pelo primeiro triunfo do ano ao receber a bandeira de chegada e deixou o cockpit de cabeça baixa.


Na coletiva depois da prova, deixou a entender que não esperava um ataque do companheiro de equipe depois que ambos receberam a orientação dos boxes de economizar combustível. Negou que uma ordem de equipe explícita tivesse acontecido, mas claramente achou que Button não agiu corretamente. O motorhome prateado também abrigou uma conversa séria depois da corrida de hoje.


Interessante que o GP da Turquia marcou as primeiras rusgas nas duas equipes de ponta que faltavam. A Ferrari precisou passar algumas questões em escrutínio depois do GP da China. Na Mercedes, a coisa degringolou em Mônaco, quando Michael Schumacher foi à público para reclamar de Nico Rosberg na classificação. Agora, Red Bull e McLaren também têm roupa suja para lavar.


Uma corrida com tantas disputas acirradas e polêmicas pela primeira posição não precisa de muito mais. Mas há outros assuntos para explorarmos no “Credencial”: o crescimento da Mercedes e da Renault, a Ferrari e a Williams estagnadas na Turquia, o crescimento das novas que diminuem a distância para as estabelecidas, a boa prova de Bruno Senna e os motivos para uma Hispânia mais competitiva que o normal, como está a questão dos pneus. Enfim, deixe nos comentários as perguntas e opiniões de vocês. Até mais!

(Foto xpb.cc)

52 comentários:

Mauro disse...

perguntas para o credencial

1 - O que aconteceu com a ferrari? não me refiro a este ano, mas desde 2008, a esquipe se encontra em uma espiral descendente, e mesmo com tantos recursos, não lidera corridas como antigamente. Ela é refém de testes liberados?

2 - os prognósticos de companheiros de equipe estavam errados? vettel não dominou webber, hamilton não dominou button, há um atrito forte entre os primeiros e segundos pilotos, e onde se achava a maior possibilidade de conflito, a ferrari, ao que parece is pilotos levaram numa boa o entrevero da china.

3 - vettel está sofrendo os efeitos da pressão e entrando em parafuso?

Spectreman disse...

Caro Ico, o que aconteceu com a F1?
Por que tanta gente achando tudo o que ocorreu hoje algo quase "absurdo"? Será que a Era Schumacher nos deve a perda das referências?

Vettel errou e fez a lambança. Mas ninguém pode se horrorizar. Foi um corridão. Esse beicinho do Hamilton também mostra como o vício do "tragam as crianças pra casa" acabou estragando a F1.

De qualquer forma, lanço uma pergunta:

Você já viu alguma movimentação na Red Bull pra mudar a postura da equipe no sentido de restringir as ações de pista dos seus pilotos? Vai mudar alguma coisa lá? Se rolar isso, o campeonato vai perder em atrativos.

Só uma segunda pergunta: esse campeonato está mais interessante também pelo fato de os carros mudarem de comportamento na pate final das corridas por causa do peso do combustível que acaba comprometendo o consumo de freios e pneus? Tinha muitas perguntas, mas vou deixar espaço pros amigos participarem. Valeu.

Ron Groo disse...

Eu gostei muito, Red Bull e Mclaren deram uma aula de esportividade.
Se vai custar caro ou não, a mim, pouco importa. Assisto corridas para ver competição até o fim, e não o desfile de carros vermelhos sob a égide: tragam as crianças pra casa.

Para o Credencial: A Ferrari é carta fora do baralho?

Glailson disse...

Para o Credencial, sobre o Bruno e Hispania:
1- Ico, parece que nesta corrida o tanque do carro do Senna foi finalmente trocado, você pode confirmar?
2- A suspensão dianteira já foi trocada para a de fibra de carbono?
3- Você pôde perceber se o ambiente na Hispania tá melhor com a saída da Dallara?
4- Será que outras equipes comentaram alguma coisa sobre a prova do Bruno, que foi um de suas melhores do ano.
5- Por fim, ouviu-se notícia de que a Hispania pretende comprar a ex-fábrica da Toyota e alguma parceria do túnel de vento da Mercedes. O que procede essas informações?
6- Agora é a última mesmo, existe alguma equipe falando bem do Bruno para , talvez, ano que vem ele mudar de equipe?

Abraços,

Glailson

Juliano Mateus Messaggi Gomes de Oliveira disse...

Olá Ico,
Antes das perguntas para o Credencial um comentário.
Achei sensacional a aula de esportividade da Mclaren e Red Bull. O público quer ver pega na pista e não aquela conversinha da Ferrari que o Galvão faz questão de reproduzir sempre que pode, de trazer as "crianças" para casa. Gostaria que fosse sempre assim. E os parabéns aos primeiros pontos da equipe do Peter Sauber.

1-As disputas entre companheiros de equipe (Mclaren e Red Bull)se devem a que? Seriam um replexo do novo sistema de pontuação, a disputa contra o companheiro de equipe, as duas coias ou nenhuma delas?
2-A Virgin já pode ser considerada séria candidata a melhor estreiante?
3-Houve disputa real por posições entre as Red Bulls e Mclarens, porém não teve entre Renaults e Ferraris (excessão do pega entre Alonso e Petrov), só o "braço" dos pilotos envolvidos justifica isso?
4-A chuva apareceu só para "dizer" que todas as corridas do ano foram boas por causa da chuva? Agora a pergunta séria...Por se ficou falando tanto na transmissão sobre chuve se só vieram chuviscos? Dá impressão que esses caras da previsão da F1 sã bem fraquinhos.

Parabéns pelo trabalho!!

Danilo Fé disse...

Olá Ico. Acompanho o Blog e o Credencial há tempos, mas só hoje estou postando aqui. Antes de tudo, devo elogiar o espaço que você disponibiliza.

Minha questão é a seguinte: Hispania e Sauber têm evidentes problemas financeiros. Já existe uma vaga no grid a ser preenchida no vestibular da FIA. Se a Ferrari encontrar uma outra equipe grande interessada em lançar um terceiro carro, talvez a Mercedez, essa não seria uma forma de preencher uma vaga no grid, duas equipes com três carros?

E quanto a Renault, estou tendo a impressão de que o carro não é tão ruim quanto dizem e que o Kubica não está fazendo milagre algum. Está apenas fazendo uma ótima temporada com um carro muito bom.

Abraços,

Danilo

Daniel Médici disse...

Ico, perguntinhas pequenas, apreveitando a sua posição de testemunha ocular: a presença do público no autódromo foi muito baixa? Maior ou menor que no ano passado? E o que se comenta da renovação do contrato do GP da Turquia com a FOM?

Abraços,

Kico disse...

Ico, antes de mais nada, foi uma das melhores corridas que já assisti na F1. Essa do Vettel me lembrou aquela com o Kubica no GP da Australia 2009. O Webber nao ia aliviar e nao quer ser coadjuvante. O Button tambem nao. Fantastica batalha da McLaren. Schumi e Mercedes continuam em ascensão. A Ferrari foi intermediária, talvez mais fraca do que a Renault.Lewis Hamilton continua sendo O Cara desde que estreou na F1.
PS: muito legal a transmissao da Radio BAND
Abs
Kico

Bruno Areal disse...

Para o Credencial

-A velocidade que o Vettel apresenta nas classificações e em algumas corridas ainda compensa sua "imaturidade"?

-Dá para dizer que o Kobayashi fez uma boa corrida ou fez só o essencial?

-Afinal, quem está levando a melhor entre Bruno e Chandock? Se é que alguém está mesmo se dando bem por lá.

-O carro dá Ferrari dá margem para um grande salto de qualidade como a McLaren fez com aquela joça ano passado?

-Segundo a filosofia da Ferrari até quando ela ainda pode vai melhorar o carro antes de focar a próxima temporada?

-Do jeito que as coisas estão, o que a Mercedes GP ainda pode ambicionar nesta temporada?

-O Pretov é o melhor estreante desta temporada ou apenas o que tem o melhor equipamento?

-A Williams está mesmo negociando com a Renault para fornecimento de motores no ano que vem?

-O regulamento atual está agradando as equipes ou ano que vem muda de novo?

Bem, é isso, abração!

Valtinho disse...

É Ico... acho que o Vettel é quem ta louco!!!

Minhas perguntas:

1ª O "desanimo" do Hamilton não teria relação com a ausência do pai dele?

2ª Alguma novidade sobre novos fornecedores de propulsores pra Williams?

Desde já agradeço sua atenção e parabenizo pelo ótimo trabalho!!!

Anônimo disse...

Para mim, a dupla da Red Bull errou por imaturidade. O Vettel, por forçar a ultrapassagem; o Weber, por manter a linha ainda que a curva exigisse uma tomada.
Embora a Mclaren tenha melhorado, tem que ser considerado que a Red Bull ainda não implementou o F-tube.

Rangel disse...

Comentário: tenho, no meu perfil de Orkut, o video de Gilles Villeneuve e Rene Arnoux na França em 1979. Na legenda, digo as imagens fazem os pilotos de hoje parecerem umas mocinhas. O pós corrida de hoje confirma isso... pra que esses bicos todos? Boca fechada e resolvam na pista daqui a 15 dias, meninas: automobilismo é isso, e Formula 1 deveria ser também!

Perguntas pro credencial:

1- O Bruno está pegando a mão da carroça dele mais rápido que o Karun e o Lucas, concorda?

2- Vendo os videos onboard do Bruno na curva 8 percebi que ele tem pouco juízo, mas muita coragem pra acelerar essa cadeira elétrica da Hispania... o carro abana pra todos os lados! Isso vale alguma coisa pra conseguir permanecer na F1?

3- Você colheu opinião de ex-pilotos sobre as disputas entre os pilotos da Red Bull e da McLaren? Aposto em opiniões dividias no caso dos pilotos da Red Bull, e caras perplexas no caso da disputa da McLaren... o que diabos o Hamilton queria?

Parabéns pelo trabalho, Ico, até a próxima!

Fernando Kesnault disse...

Uma resposta suscinta ao Mauro: A Ferrari sempre foi isso; uma bagunça, muita política e pouco resultado. Só foi mudado durante a Gestão do Todt com a cia. do Schumy e do Brawn.

Washington disse...

Olá Ico. Duas perguntas para o credencial após os "rounds" da corrida de hoje:
- O novo chassi do Vettel já tem um nome? Pelo visto, as do ano passado traziam mais juízos e sorte!
- Ótimo seu post sobre o GP de Austin. A notícia foi levada a sério no Paddock ou é mais um delírio do tio Bernie ?

Até o Canadá!

Marcelonso disse...

Salve Ico

Corrida boa,com muitas disputas.Valeu o ingresso,pena que pode ser a ultima.

Pergunta:
A McLaren parece ter chegado de vez nos azuis.Será que Red Bull vai rever sua soberba e optar pelo F-Duct em Montreal?Sem ele conseguirão segurar as McLaren?


abraço

jopa disse...

Boa corrida. Otimas brigas entre companheiros e não companheiros. E deve ser assim mesmo, acho que Vettel bobeou , mas são coisas que acontecem. Ferrari ficando para tras. Massa disse que no Canadá vem algumas melhorias e em Valência um pacotão novo. Vão precisar serem muito bons para melhorar as chances da Itália. abraços Jopa.

Giovani Balduino disse...

Olá Ico;

Grande corrida !

Perguntas :

1- No Canadá as grandes retas devem igualar mais as diferenças entre as equipes ?

2- Muitos falam que os motores Cosworth perdiam rendimento durante a corrida, agora com uma evolução o Rubinho teria dito que ele se tornou fraco desde o começo ! Me parece um absurdo, mas a saída do Mosley da FIA não tem a ver com a falta de grana para o desenvolvimento na Cosworth ?

Um Abraço

Fernando disse...

Ico parabens pelo seu trabalho.
Queria saber como vc ve a situacao interna da RBR, jah ha muita gente dizendo do favorecimento da equipe ao Vettel, por todo o investimento feito em ele, pelo ego do alemao e que tudo pode ir por agua abaixo por que o Webber nao quer perder a chance do titulo.

Outra coisa como vc ve a divisoes de forca para a proxima corrida ?
Sabemos que no Canada o que vale eh velocidade em reta , motor e freios coisa que a Redbull nao tem e na verdade tem os seus ptos fracos e a Mercedes com seus motores e a Mclaren com seus dutos e motores Mercedes tem de sobra.

Dizem por ahi que o Button ainda esta sofrendo com os freios isso eh verdade ?

Ele sofreria no Canada tambem ?

Vc acha que o consumo de gasolina sera alto na proxima pista e soh assim as RBRs se salvarao ?

Ico nao ouco a Band mas se a Alessandra Alves esta com eles ainda pede para ela receber as bananas que eu mandei pra ela e se retratar no ultimo post do blog dela.

Abracos

Leonardo disse...

Olá Luis Fernando,
gostaria primeiramente de lhe parabenizar por esta ótima iniciativa de fazer o programa Credencial e pela qualidade que sempre é apresentada. Gostaria de fazer duas perguntas:

1 - Tendo em vista que os Circuitos de Barcelona e Istanbul, favorecem carros com uma aerodinâmica mais bem desenvolvida, justamente estes foram dois gps dos mais
"sofríveis" para a Ferrari.
Você concorda que mesmo tendo concentrado os esforços em desenvolver este carro (o F10) desde o meio do ano passado, ele não é competitivo o suficiente, perante os de Red Bull e Mclarem?


2 - O Alonso não é um piloto que costuma errar, mas levando em conta os erros cometidos em Mônaco, onde destruiu o carro no terceiro treino livre, e na Turquia, onde errou a volta de classificação no Q2, tenho a impressão de que ele parece querer andar mais do que o
carro, na tentativa de manter vivas as chances de ganhar o campeonato com a Ferrari, o que se torna cada vez mais difícil. Você tem essa mesma impressão?

Alcivio disse...

Como sempre uma boa transmissão da Band. Pena o teu "microfone" estar com um som ruim no grid.

1- O ano acabou para a Williams? Nessa corrida foi triste ver uma ex-campeã do mundo correr quase que junto com as novatas.

2- Tem alguma especulação sobre o Kobayashi em uma equipe melhor? Para mim ele é uma das melhores surpresas de pilotos na F1 junto com o Petrov.

Um abraço e parabéns.

Marcos Antônio disse...

Ico, as equipes que usaram o F-duct levarão muita vantagem no canadá, a diferença não será gritante assim?

Corrermos o risco de termos novamente um duelo do estilo Senna x Prost com Button e Hamilton?

abs!

Zé Henrique disse...

Olá Ico!
Duas curiosidades OFF:
1) Por que Ico? Qual a origem do seu apelido?
2) Você não acha que a cobertura da F1 da Racing está muito a desejar. Você com seus textos, fotos e análises teria muito mais a acrescentar do que aquelas matérias "analíticas" que têm saído na revista.

Abração e parabéns pelo trabalho e pelo blog!

@celsovedovato disse...

Grande corrida!
Ico, existe algum comentário sobre onde estaria a força da Red Bull, o que realmente faz diferença na performance do carro? Não há nenhum, como diz o termo popular, pulo do gato!? seria apenas refinamento aerodinâmico e o bom motor renault o segredo desse carro?
Grande abraço

Sergio Dantas disse...

Gde. Ico! Tudo bem? Hope so.
Bem, como vc deve notar sempre dou uma lida aqui e nunca escrevo mas para este credencial tenho algumas questoes (sem acentos hj).

1- Hispania, quando anda, tem sido superior a Virgin. Acha que a Virgin recupera ou nao? Esperava uma Virgin mais proxima da Lotus...

2- Di Grassi perdeu quase todas as disputas com Glock ate agora. Ok que so agora os carros sao praticamente iguais ja que Lucas afirma que Timo e mais leve... Acha que Di Grassi vai conseguir equilibrar a briga?

3- Acha que Massa conseguira equilibrar com Alonso? Para mim ele parece estar com o psicologico abalado pois, mesmo quando chega na frente Alonso normalmente fez melhor corrida.

4- Williams esta fadada a ficar como equipe media (curto/medio prazo) ou acha que em 1 ou 2 anos podem voltar aos bons tempos? Me da pena ver Mr. Frank Williams assim...

Grande abraco, espero te ver num destes GPs, vamos ver... ;)

Pierre Cracovsky disse...

Ico, o clima de velório dos pilotos da Mclaren ao sair do carro e no pódio é devido a briga entre Hamilton e Jenson? Me parecia que estavam mesmo é veladamente criticando o Weber pelo ocorrido. Apesar de plasticamente não ter sido um acidente feio, a batida no ponto de maior velocidade do circuito poderia ter causado uma tragédia para um deles ou mesmo os dois.

Qual foi a opinião dos demais pilotos sobre o acidente?

CelsoAM disse...

Ico,

Foi acidente de corrida, mas em se tratando de carros da mesma equipe, acho que culparem só o Vettel é bastante injusto. Diria que o maior culpado nessa historia foi mesmo o Webber, que pensou apenas em si e não na equipe. O Vettel já tinha o ultrapassado (praticamente), numa manobra limpa na pista. Se usasse mais o bom senso, Webber não teria criado essa situação. Na China, numa manobra que considero mais desleal do Alonso, o Massa até tirou o carro da pista para que isso não acontecesse. A essa altura do campeonato, com outras equipes evoluindo, a RB não pode se dar ao luxo de perder tantos pontos por orgulho de um ou outro piloto.

Perguntas:

- Pela característica da pista, a Mclaren é a favorita no Canadá?

- Até que ponto os pneus mais moles podem beneficiar a Ferrari na próxima corrida?

- Já estão definidos os compostos que serão usados nos próximos GPs?

- Não entendi o que aconteceu com o Alguersuari no final da corrida. Ele não tinha ultrapassado os 2 da Sauber?

Abraço!

James Russo disse...

Caro Ico,

Percebemos os sérios problemas de aderência da Ferrari quando a mesma está com pneus duros. Por que tal falha não foi verificada na pré temporada?

Abraços.

Juliano disse...

Meus questionamentos para o credencial:

1- Se os motores estão congelados como pode a Cosworth ter modificado algo na usina, a ponto de o Barrichello ter dito que a perda de rendimento que antes acontecia após 100 km rodados, agora não acontece mais, porém, em compensação, o motor tem menor potência?

2- Alguém aí na Europa fez alguma menção com relação às 500 Milhas de Indianapolis? Como é vista essa corrida por essas bandas?

3- O Button foi pra cima do Hamilton, passou e tomou o troco, depois disso se afastou do companheiro e ficou na dele. A equipe mandou os dois trazerem as crianças para casa ou ele teve algum problema?

4- O que aconteceu no final que o Alguersuari que estava em 10º terminou atrás das duas Sauber's. A TV (pelo menos aqui) não mostrou e fiquei sem entender.

Dennis disse...

Parabens Ico por seu trabalho. Duas questões:
1- Além da McLaren e Ferrari, alguem mais usa o famoso dulto? Por que o dulto da Ferrari não funciona visto que no ponto de maior velocidade as McLarens eram mais de 6km/h mais velozes e as Ferraris mesmo com o dulto estavam juntas com as outras?
2- Fiquei com a nítica impressão que todo este problema de consumo só existiu para acalmar o Button no caso da McLaren pois os tempos de volta no fim não aumentaram a ponto de indicar racionamento dos dois pilotos. De qualquer forma não justifica o muxoxo do Hamilton que nem comemorou, não concorda?

pierre disse...

ando meio surpreso com a avaliação geral do acidente entre vettel e webber. acredito que se os personagens fossem outros (massa ultrapassando e sendo tirado da corrida por alonso por exemplo) as opiniões estariam divididas. no que vejo, o traçado que mark webber propôs, em linha reta colado na parte de dentro, espremendo sebastian vettel, era impossível para os dois. sem abrir o traçado, nenhum dos dois faria a curva seguinte. nem webber. adiciona-se os fatos de ele estar em menor velocidade e de já estar atrás do 'oponente'. concordo com celsoAM que lembrou o comportamente de massa na china, ao tirar o carro da pista para não colidir com alonso na entrada dos pits. podem ser poucos mas estou entre os que defendem vettel.

Caio disse...

Ico, a verba da Ferrari é muito maior que a das outras equipes certo? E mesmo assim, eles não conseguem arrumar esse carro. Na verdade, faz tempo que a Ferrari deixa a desejar. Eles não tem um bom engenheiro pra fazer os carros? O chefe da equipe não é tão bom assim? Me pergunto como, na F1, o dinheiro não resolve os problemas da Ferrari (até no sentido de contratar os engenheiros talentosos da vez).

Outra pergunta, senti uma mudança de atitude do Alonso nesse GP. Um pouco mais resignado. Algumas pessoas disseram que essa sua atitude é muito por ele ter encarnado o espirito do primeiro piloto da equipe. Você concorda? Porque, pelas declarações que eu ouvi, achei o Massa mais motivador pra equipe. Uma postura melhor do que a do Alonso, com relação a equipe.

Parece que no Canada a vantagem é da Mclaren, e nas outras duas proximas corridas (Valência e Italia?) há alguma outra equipe que pode levar vantagem?

Obrigado.

Klauss disse...

Muito bem lembrado sobre a cara de bunda do Hamilton depois da corrida... Fiquei com isso na cabeça também depois da corrida, mas não tive a mesma leitura que você, Ico.

Mas se for por isso a cara que ele fez, é bom o Hamilton botar a memória pra funcionar e lembrar de quando ele fez a mesma coisa que o Alonso. Alonso também não gostou, e no fim isso foi ruim pro espanhol...

Mas pro protegidinho da equipe, vai saber, né?

Klauss disse...

A mesma coisa COM o Alonso eu quis dizer acima, e "não a mesma coisa que o Alonso".

Ewerton H. De Pedri disse...

Ico,
O pacote de atualizações da Ferrari para Valência seria uma espécie de versão B do carro?

Como a Ferrari não consegue desenvolver seu carro? Considerando a sua ótima pré-temporada, o carro não deveria se desenvolver com maior facilidade, ou limite de desenvolvimento desse carro já foi alcançado?

JCCJCC disse...

1 - As ordens de "Save Fuel" dadas pareceram-me muito artificiais, fiquei com a ideia que não havia nenhum problema de consumo, mas eram apenas ordens para manter posições disfarçadas. A FIA não teria poder para verificar na telemetria se as ordens de "Save Fuel" eram reais, ou se eram ordens para manter posições (ordens essas que estão proibidas ao que sei)

Pergunta off-topic:
2 - A que se deve a antipatia geral com o circuito de A1-Ring? Talvez não tenha a espectacularidade do antigo Zeltweg, mas era um circuito em que era possível ultrapassar o que dava corridas animadas. Já para não falar da paisagem envolvente que era fantástica.

Leandro disse...

Gostaria de fazer três perguntas:
1:Para levandar e mexer na suspensão traseira e deixa-la mais baixa ou mais alta requer muito tempo?Pois pensando aqui esta claro que a diferença da Red Bull para a Mclaren esta na classificação,não seria possivel uma equipe abaixar o carro para aquela volta voadora no Q3 e ainda voltar pro boxes é levantar a traseira para receber os 160 quilos que ele vai largar?
2:O lastro no carro são patrões para todas equipes,ou pode cada um usar o lastro que quiser,por exemplo um usar chumbo mais pesado é menor e outro menos esperto usar fero que requer mais espaço?
3:O Bruno Senna fez uma boa corrida na Turquia andou na frente da Virgin de Glock por um bom tempo e claro do Lucas,pensando pra 2011 qual equipe suponhamos ele poderia ter chance?

Ingryd Lamas disse...

Então vamos a mais um credencial!
Antes de mais nada, não consigo achar tão absurdo assim a situação criada por Vettel e vivida por Webber, não pra mim. A equipe provavelmente achar, muito, perde bastantante com o incidente, mas eu não, só ganho. Isso dito, vou ao ponto que desejava comentar: Ainda ano passado, comentei por aqui, sobre essa desculpa recorrente de que "Vettel ainda é jovem", não não espero que vc lembre o comentário, mas vc chegou a discorrer sobre no credencial do então fim de semana, que francamente, não tenho ideia de qual era. É sobre isso. Apesar de não achar que Vettel tenha cometido tamanho pecado, (é uma corrida, está ali pra disputar, pra ser competitivo e que exploda o resto)a coisa toda de dar desculpas a seus atos, alegando uma jovialidade me irrita. Primeiro de tudo, como espectadora, o fato de ser jovem e impulsivo, só tornam meus domingos mais interessantes, mas se é visto como "defeito" ou não, já está na hora do alemão prodígio puxar as responsabilidades a si, e não culpar sua pouca idade. Sim, pouca idade, pq inexperiencia não é possivel se alegar, tempo para crescer dentro da categoria ela já teve, e de sobra.
(Mas gosto de Seb, por mim, continua doidão)

E a segunda questão: Ferrari, tem seu problema de desempenho unica e exclusivamente devido ao carro? Alonso afirmou no sábado que simplesmente não foi veloz o suficiente, e durante a corrida, apesar de não chegar aos pilotos da frente, andou bem. E se o problema de Alonso, foi o Alonso, Massa Ainda sofre com a falta de grip? Ainda não se "acertou" com o carro, ou tb atravessa uma fase dificil junto com o carro da equipe?


Beijos!

marconi disse...

A F1 está muito chata! Todos estão preocupados em ser politicamente corretos, até os pilotos. Lamentável a choradeira do Hamilton com relação a tentativa do Button de ultrapassa-lo no final da prova. Se ele tinha carro, ele tinha que ir pra cima mesmo! Queria dar os parabéns aos pilotos da RedBull, pois apesar da lambança, os dois tomaram a decisão certa. Isso é disputa, isso é esporte! Que saudades da Geração de Ouro da F1. Com Senna, Prost, Piquet e Mansel não tinha essa frescurada.

Gabriel Souza disse...

Espero que esteja enviando minhas perguntas em tempo hábil.

1- Pelo que você já ouviu por aí e pelo que conhece da Ferrari, acredita que eles já estejam pensando em priorizar o Alonso para a disputa do título? Ou já estão jogando a toalha?

2- O que se comentou no paddock sobre o "enrosco" de Vettel e Webber? Algum piloto opinou?

3- O que custa o tal do Tilke fazer uma pista tão boa como esta em outras oportunidades?

Hoje não mando nenhuma pergunta musical, mas um link que acredito que vai gostar:

http://www.twotone.com.br/produto.asp?id_produto=2239&id_catalogo=5

Abraço!

Guilherme Molina disse...

Olá Ico!

Não sei de você, mas tenho certeza de que ainda nesta temporada veremos exatamente a mesma coisa que aconteceu com a Red Bull com os carrinhos VERMELHOS da Ferrari. Concordo que Alonso seja fora de série, mas não vejo desvantagem alguma da parte do Felipe. O que você acha que aconteceria caso os 2 ferraristas acabem tendo uma disputa de igual para igual pela ponta da corrida?

Wesley disse...

Olá Ico!!
Na transmissão da Globo disseram algo sobre os atrasos do GP da Coréia. Visto(se não me engano) que não existem patrocinadores coreanos em nenhum dos carros, existe algum boato sobre alguma possível montadora(Kia, Hyundai, etc).
Aliás, as montadoras ainda estão sendo satanizadas e mal vistas no paddock, ou, agora que as coisas melhoraram, são a tábua da salvação para equipes novatas melhores?

Obrigado pela espaço e pelo ótimo trabalho!

Anselmo disse...

Caro Ico
Gostaria de saber mais sobre o Bruno e Michael, pois durante a polemica da batida das RedBull(fala para o Odnei diminuir), todos da Bandeirantes esqueceram o resto da corrida e foi quando Bruno ultrapassou brilhantemente e Shummi fez a melhor volta.
Abs

Dado Zanin disse...

Ico,

O incidente ou acidente entre o Webber e o Vettel, guardadas as proporções, me lembrou muito aquela discutida manobra do Alonso sobre o Felipe na entrada dos boxes...nessa última corrida me pareceu que o Webber ficou bem lento na metade da reta e o Vettel não tinha outra opção a não ser tentar ultrapassar o australiano...só que em vez de ele "pensar na equipe" ele procurou manter sua posição e pagar para ver...acho que os dois agiram certos como pilotos que querem vencer...
Será que na manobra da Ferrari não faltou um pouco de "Webber" no Felipe Massa? Pois o australiano deixou nessa manobra um recado bem claro para o Vettel sobre sua vontatde de ser campeão, você não acha? Creio que no caso do Felipe ele perdeu a chance de mandar um recado pro espanhol também...

Abs.
Dado Zanin

Diego Armando(mas não sou o Maradona, hehehe) disse...

Olá. Vi no site do Grande Prêmio o comentário que Tony Fernandes fez no Twitter dele: “A equipe que fez sete corridas é 2.4s mais lenta que o time que fez 800 corridas. Gostaria de saber se Luca continua achando que somos um lixo”.

Foi apenas uma brincadeira ou existe um certo rancor no ar?

Quem me parece ser a maior decepção do mundial e á Mercedes e não a Ferrari. Não acredito que nenhuma das duas consiga alguma coisa ainda esse ano.

Valeu e fui!

Eduardo Malheiros disse...

Na minha opinião, a situação na Mclaren lembra o que aconteceu (acontece!?) na Ferrari. A situação entre os pilotos vai muito bem, obrigado - desde que o piloto n.1 (se não no número, na teoria) esteja na frente e não seja pressionado pelo n. 2.
A ultrapassagem do Button foi 100% limpa. Avisou que estava chegando, esperou o momento, se posicionou de forma correta para dar o bote e assim o fez. A do Hamilton, ainda que válida, foi aos trancos e barrancos, no estilo literal do "chega pra lá".
Entendo que a frustração do Hamilton é para com a situação do companheiro o estar atacando, mas ainda assim penso que, dada as circunstâncias das ultrapassagens, quem deveria estar um pouco "fulo" é o sr. Button.
Concordas comigo ou não vês a situação da mesma maneira?

Grande abraço mais uma vez!

Theo disse...

Olá Ico, primeiramente é um prazer estar participando do Credencial. Um grande abraço.


Pergunta:

1 - Será Vettel o preferido da Red Bull e a partir de agora será privilegiado nas próximas corridas?

2 - Que pilotos vc acha que têm mais chance ao título

3 - Para qual piloto você torce?

Abraço e saudações

Mário Salustiano disse...

bem amigos escrevo com a informação de que Vettel tinha ordem para passar, e aí onde fica a tal esportividade? somos ingenuos de acreditar que ainda existe espaço para disputas cruas, vamos ver nas próximas corridas um clima bem mais comportado e com privilégios para Vettel

Marcos disse...

Ico, ano passado, era aquele papo que o Alonso unia o time, fazia todo mundo produzir, capitaneado pelo todo-poderoso Briatore com apoio da montadora.
Na Turquia, sem toda essa papagaiada midiatica, numa situação bem mais modesta, a Renault se classifica e anda entre os dez com os 2 pilotos e até na frente da Ferrari. E aí? O Briatore e o Alonso são bons de marketing?
Marcos

João Vasco Serra disse...

Ico, sei que já vai longo este rol de comentários e perguntas, mas queria só deixar duas questões:
1- até que ponto o Webber se vai sentir seguro para confiar na equipa, depois de claramente se ter tentado prejudicar a sua corrida a favor do Vettel?
2- Como vai gerir a Red Bull a situação de querer fazer de Vettel campeão e agora não o poder de forma aberta sem que ganhe algumas inimizades entre os torcedores? E digo isto porque se o Webber até aqui não tinha uma legião de fãs representativa, passou depois deste fim de semana a ser olhado de uma outra forma pela injustiça que lhe estava a ser feita.

Abraço tuga,
João Serra

Sensui disse...

Ico, antes de perguntar parabéns pela cobertura da Fórmula 1 que você vem fazendo, os fãs da Fórmula 1 agradecem.

Bem, vamos as perguntas:

1 - O quê você diz do desempenho do Kobayashi? Alguma equipe demonstrou interesse nele ou pelo comentou sobre seu talento?

2 - Como anda a questão da escolha de pneus. Fica a Michelin ou a Pirelli?

3 - Nicolas Todt pode vir mesmo á fundir a ART da GP2 com a Sauber para o ano que vem?

Abraço \o

Anônimo disse...

o webber foi corajoso. coisa que o barrichello nunca foi na vida .o felipe deveria ter feito isso com o alonso.Acho que depois do contrato renovado ou vai virar um novo piloto 1b ou vai dar uma de macho dependendo do que estiver escrito no contrato.

Anselmo Coyote disse...

Se o Massa tivesse feito o mesmo com o Alonso teria provocado uma ruptura saudável. A Cosa Nostra teria mostrado sua verdadeira cara ou então passado a respeitá-lo, juntamente com o Alonso. Mas ele preferiu se acovardar e preservar o emprego. Vai sifu no final, obviamente. Lamentável.

Vcs acham que não? Então vcs imaginam Senna, Piquet, Schumacher, Alonso, Hamilton ou Prost, só para falar de alguns bons, afinando.

Eu n imagino.

Abs.